JotaPêAh!

Instalar Office 365 Offline

Procedimento para usar instalador offline do Office 365 University.

1 – Baixar o Office Deployment Tool, no link http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36778;

2 – Executar o arquivo, e extrair para C:\office365

3 – Na pasta C:\office365 abrir o arquivo configuration.xml no Bloco de Notas

4 – Apagar todo o conteúdo, e colar as linhas abaixo:

<Configuration>
<Add SourcePath=”C:\office365\” OfficeClientEdition=”32″ >
<Product ID=”O365ProPlusRetail”>
<Language ID=”pt-br” />
</Product>
</Add>

5 – Salvar o arquivo

6 – Abrir o Prompt de Comando, navegar até a pasta c:\office365 e executar o comando abaixo:

setup.exe / download configuration.xml

7 – Aguardar o download de 976 MB.

Os arquivos stream.x86.pt-br.dat e stream.x86.x-none.dat são os maiores,

com 150mb e 798mb, respectivamente.

8 – Após o download, editar novamente o arquivo configuration.xml, com as linhas abaixo:

<Configuration>
<Add SourcePath=”C:\office365\” Version=”15.0.4517.1509″ OfficeClientEdition=”32″ >
<Product ID=”O365HomePremRetail”>
<Language ID=”pt-br” />
</Product>
</Add>
<Display Level=”Full” AcceptEULA=”TRUE” />
</Configuration>

9 – Substituir a versão (15.0.4517.1509) pela versão atual baixada, na pasta C:\office365\Office\Data

10 – Abrir novamente o Prompt de Comando na pasta c:\office365, e executar o comando abaixo

setup.exe /configure configuration.xml

11 – COncluir a instalação.

2 comentários »

“De onde você tira essa alegria que me queima os olhos?”   by Funérea

Deixe um comentário »

Arquivo X – S01E03 Conduit

SCENE 16
(A tape is taken out of a tape recorder and turned over and put back in and play pressed. Scully is alone in a room, voices are heard from the tape recorder)

DR. HEITZ WERBER: But your eyes are open?

(Scully is going through the X-File on Mulder’s sister)

MULDER: Yeah, they’re open but it’s like, nothing’s happening.

DR. HEITZ WERBER: Try turning your head.

MULDER: I can’t.

DR. HEITZ WERBER: Why not?

MULDER: I don’t know. I can’t move, so I don’t…(We see a close-up of the tape being played, on it it says: F. Mulder hypnotic regression tape session number 2B: June 16) I just lie there in bed.

DR. HEITZ WERBER: Can you see your sister?

MULDER: No, but I can hear her.

DR. HEITZ WERBER: What is she saying?

(Scully lifts up a picture and looks at it)

MULDER: She’s calling out my name, over and over again. (We see the picture is one of Mulder and his sister when they were kids. We see it is Mulder who is now holding the picture) She’s crying out for help but I can’t help her. I can’t move. (We see that Mulder is sitting inside a church)

DR. HEITZ WERBER: Are you scared?

(Mulder starts crying)

MULDER: I know I should be but I’m not.

DR. HEITZ WERBER: Do you know why?

MULDER: Because of the voice.

DR. HEITZ WERBER: The voice?

MULDER: The voice in my head.

(Mulder keeps down on his knees and begins to pray)

DR. HEITZ WERBER: What’s it telling you?

(The camera zooms away from Mulder as he prays)

MULDER: Not to be afraid. It’s telling me no harm will come to her, and that one day she’ll return.

DR. HEITZ WERBER: Do you believe the voice?

(The scene fades to black)

MULDER: I want to believe.

[THE END]

Deixe um comentário »

Ano estranho–O mistério do 111

Hoje é dia 11/11/11. Como sempre, datas como essa representam mais do que uma coincidência ou inevitabilidade para algumas pessoas, que veem sequências de números desse tipo como um sinal espiritual – e o boato da vez é que a data é ligada as profecias maias de 2012 do fim do mundo e de renovação espiritual.

As mitologias da data de hoje estão presentes na internet, com os crentes sugerindo que sequencias numéricas como 11/11 são sinais de anjos ou números com significados ocultos.

Mesmo as pessoas que aparentemente não ligam para numerologia estão encontrando algum significado no dia: dizem que a Disney vai sediar 11 casamentos hoje.

Mas porque 11/11/11 foi parar no meio do suposto apocalipse maia de 2012?

O antigo calendário maia termina em 21 de dezembro de 2012, como você já sabe. Algumas pessoas acreditam que esta data vai inaugurar uma nova era espiritual, ou mesmo o fim do mundo.

As duas datas foram provavelmente ligadas quando os crentes perceberam que o Observatório Naval dos EUA tinha fixado a hora exata do solstício de 2012 para 11:11 na hora universal em 21 de dezembro.

A opinião de John Hoopes, um estudioso da história maia da Universidade de Kansas, EUA, é que tudo isso não passa de uma “viagem”. “É essencialmente baseado na noção de sincronicidades”, explicou Hoopes.

Sincronicidades são coincidências significativas. E enquanto todo mundo tem uma tendência psicológica em encontrar padrões aleatórios, as subculturas que creem na mitologia de 2012 tendem a ser aquelas que se envolvem com psicodélicos e maconha, drogas que aumentam a sensação de sincronicidade. “Se parece que a mitologia de 2012 foi pensada por pessoas sob o efeito de drogas, é porque foi”, argumenta Hoopes.

Não interessa o que as pessoas modernas pensam do calendário maia, simplesmente não está claro se a data tinha algum significado para eles. “A realidade é que os maias acompanhavam ciclos de tempo grandes, e há um grande ciclo de tempo que começou em 3013 a.C. no nosso calendário, e há razões para pensar que o ciclo atinge um número significativo em 21 de dezembro de 2012”, disse Hoopes.

Mas se isso tem algum significado para os maias é uma questão em aberto. O povo maia tendia a ver o tempo como cíclico, com eventos importantes ecoando-se em datas correspondentes em um ciclo. Nesse caso, o fim do calendário pode ter sido visto como um novo começo.

Aliás, nem se sabe se os maias tinham qualquer profecia. Notadamente, as profecias de fim de mundo não aparecem no registro histórico até depois que os maias fizeram contato com missionários cristãos – um grupo de pessoas com suas próprias crenças fortes sobre o fim dos dias.

Na verdade, previsões de fim de mundo eram populares nos anos 1500, quando missionários franciscanos começaram a viajar para o Novo Mundo. Previsões catastróficas bíblicas certamente chegaram aos ouvidos maias e, em outras palavras, as profecias maias simplesmente se apropriaram da teologia cristã.

“O mundo para os maias realmente terminou na conquista espanhola”, disse Hoopes. “Então, eles podem ter incorporado isso em sua explicação do que estava acontecendo com eles”.

O forte número 11

Na verdade, o Observatório Naval agora indica a hora oficial do solstício de 2012, quando a inclinação da Terra estiver o mais longe possível do sol, na hora universal de 11:12 em 21 de dezembro. Isso não impediu que os crentes de 2012 focassem no tempo 11:11.

Em parte, esse frenesi pelo 11 ocorre porque a mitologia do número está online já faz um tempo. O site 1111spiritguardians.com sustenta que olhar para um relógio quando o tempo for 11:11 é um sinal de “1.111 Guardiões Espirituais ou Anjos”. Outras horas, como 12:12, 10:10 ou 12:34 seriam mensagens, também.

Estes números podem parecer especiais porque “grudam” em nossas mentes. Ninguém se lembra de olhar para o relógio quando os números não formam um padrão. “As pessoas estão mais propensas a lembrar de 11:11 do que de 4:29, 6:53 ou 3:17, por exemplo”, disse Hoopes.

Os psicólogos chamam a tentação de encontrar padrões em dados aleatórios de pareidolia. Este fenômeno também é responsável por “visões” de santos e outros em torradas, janelas e demais objetos.

É fácil encontrar o 11 por toda parte, por isso é fácil acreditar que “tem algo aí”. Um artigo do site 2012rising.com une coisas aparentemente aleatórias como o calendário maia, os ataques terroristas de 11 de setembro, a duração média de inversões de polaridade do campo magnético do sol, etc. O autor ainda fala do ciclo do sol de 11 anos, e como tudo parece “mais do que coincidência”.

A atividade solar, de fato, atinge um pico aproximadamente a cada 11 anos, potencialmente interrompendo comunicações por satélite, mas, segundo a NASA, não há riscos especiais associados com os picos de 2012, que não devem ser diferentes dos anteriores.

Com todos esses 11s de vários lugares para se usar em ideias macabras, previsões para 11/11/11 estão fluindo rapidamente.
Aderentes da Nova Era previram de tudo, desde o fim do mundo até o ingresso de uma nova era espiritual. Alguns dizem que 11/11/11 é o início oficial do ano metafísico de 2012.

Mesmo cineastas estão lucrando com a ação, com filmes de terror, especialmente um intitulado “11-11-11″, previstos para serem lançados na data. A trama de “11-11-11” gira em torno de uma força assustadora e misteriosa que vai entrar na Terra às 11:11 de 11/11/11.

Previsões não comerciais tendem a ser mais positivas, no entanto. O número 11 é visto como um sinal de que todas as pessoas são uma só, por exemplo, e a data é mais provável de ser vista como um fim à ganância e desconexão. Seria bom, né?

Segundo Hoopes, o calendário maia pode ressoar ainda hoje simplesmente porque os antigos maias são vistos como uma cultura exótica com uma espiritualidade avançada. Um século atrás, as pessoas acreditavam a mesma coisa sobre a cultura indiana e chinesa.

O que mantém viva a mitologia, hoje, no entanto, é a internet e as redes sociais. Dessa forma, os crentes em uma transformação de consciência em 2012 podem estar certos.

“O mundo está mudando por causa dessa transformação da consciência através da rede digital”, disse ele. “Eu não ficaria surpreso se no futuro as pessoas olhassem para trás e dissessem: ‘oh sim, foi em 2012 quando tudo aconteceu’”.

Fonte: http://hypescience.com/111111-como-a-data-de-hoje-esta-ligada-ao-calendario-maia/

 

 

 

 

Não ligo muito para essa loucura de que o mundo acaba, coisa e tal… Pode, sim, passar por uma severa tranformação. E como somos apenas "locatários", e não estamos pagando a mãe natureza da forma correta, pode ser que sejamos "despejadoS".. Mas esse ano de 2011 já tem umas coisas meio estranhas. Veja Só as datas: 1/1/11, 11/1/11, 11/11/11. Agora quem está lendo: pegue o dois ultimos digitos do ano que nasceu e some com a idade que tem ou fará este ano. Dá quanto?????

Fonte: http://charges.uol.com.br/emails-comentados/2011/01/28/ano-estranho

 

O que pode parecer mágica ou apenas coincidência, nada mais é do que matemática. Esse miraculoso 111 é a soma do ano de 2011 menos os dois primeiros números do século em que a pessoa nasceu seguidos de zero (1800, 1900, 2000…). Ou seja, a soma da idade mais os anos dentro do século têm que dar essa diferença. Voltando ao nosso amigo de 24 anos, a equação fica assim: 2011 – 1900 = 24 + ano de nascimento.

http://tudoemgeral3.blogspot.com/2011/01/o-misterio-do-111.html

 

Uma série de possíveis coincidências que giram em torno do número 1 e do ano de 2011 tem sido assunto em rodas de conversas e ganhado força, principalmente, em correntes de e-mails na Internet. Neste ano estão no calendário quatro datas incomuns ou, no mínimo, curiosas: 1/1/11, 11/1/11, 1/11/11 e 11/11/11.
O que chama mais atenção, porém, é a história de que a soma dos dois últimos dígitos do ano de nascimento de uma pessoa com a idade que ela completou ou ainda vai completar em 2011 alcançaria sempre como resultado 111. Por exemplo: considerando alguém que nasceu em 1962 e vai fazer 49 anos até 31 de dezembro de 2011, somamos 62 a 49, e chegamos a 111. No caso de outra pessoa, supostamente nascida em 1987, o resultado será o mesmo, pois 87 mais 24 é igual a 111.
O matemático e professor da Universidade Estadual Paulista (Unesp) Valter Locci explica, porém, que apesar dessa relação parecer obscura, trata-se apenas de matemática, de solução simples. “Levando em conta os aniversários de 2011, o final dessa soma será sempre 11. No entanto, o resultado pode variar entre 111, 11 ou 211. Acontece que as pessoas estão utilizando como exemplos para o cálculo a idade de adultos, nem com menos de 10 anos nem com mais de 100”, afirma.
Locci aponta que uma criança nascida em 2008 vai completar 3 anos em 2011, e somando 08 a 3, o resultado é 11. No outro extremo, considerando uma pessoa idosa com 117 anos, que nasceu em 1894, a soma de 94 com 117 será 211. “O ano em que vivemos é sempre a soma do ano de nascimento com a idade atual de alguém. No caso da conta que estamos fazendo, substituímos a operação e a soma terminará sempre em 11”, explica.
Esse conta é resultado da soma do ano de 2011 menos os dois primeiros números do ano em que a pessoa nasceu seguidos de zero (1800, 1900, 2000…). Ou seja, a soma da idade mais os anos dentro do século têm que dar essa diferença, sempre terminada em 11. Voltando ao caso da pessoa de 24 anos, a equação fica assim: 2011 – 1987 = 24 + ano de nascimento (1987).
O matemático Valter Locci afirma ainda que este não é um caso isolado ou inédito. “No ano passado, a soma terminava sempre em 10 e, no ano que vem, vai terminar em 12, e assim por diante, mas acredito que nenhum outro vá chamar tanta atenção quanto o 111 por conta da repetição de algarismos ou qualquer outra razão que eu desconheça. Talvez essa discussão volte a ganhar destaque em 2023, quando o resultado for 123”, pondera.
Número 11 representa salvação
Excluindo as hipóteses de que o 11 possa trazer energias ruins, a numeróloga Maria Orlanda Furlanetto explica que o número está ligado à salvação, pois tem relação com o nome de Jesus Cristo (Salvador para os cristãos) e com as medidas da arca construída por Noé, que, segundo a Bíblia, teria salvo todas as espécies animais de um dilúvio no planeta.
“A gente não transforma o número 11 em 2 por meio da soma dos algarismos porque ele é especial. Para aqueles imóveis que são estabelecimentos comerciais que nunca dão certo, onde, a cada mês funciona um negócio diferente, é indicado que o proprietário acrescente o número 11, seja mudando o nome ou o número do imóvel junto à Prefeitura”, alerta.
Com relação ao 1, Maria Orlanda explica tratar-se de um número sagrado. “Ele representa Deus, a perfeição e a criação”, afirma.
Os mistérios
Desde o ocorrido em 11 de setembro de 2011 [2001], quando atentados terroristas derrubaram as duas torres gêmeas do World Trade Center, em Nova York, várias teorias ligadas ao número 11 têm se espalhado pela Internet.
Tanto New York City quanto Afeganistão possuem 11 letras. Além disso, Nova York foi o 11º Estado incorporado aos Estados Unidos da América. O primeiro dos voos que bateu de frente com as Torres Gêmeas era de número 11 e levava 92 pessoas a bordo (9+2=11). O dia 11 de setembro é o 254º dia do ano (2+5+4=11) e, a partir dessa data, restam mais 111 dias para o final do ano.
Muitas coincidências e, até mesmo, antagonismos cercam o número 1, algarismo que forma o tão curioso número 11. Ao mesmo tempo em que lembra a vitória, o primeiro lugar, o líder, o primogênito, também assombra, por exemplo, os goleiros, que estampam o número na camisa e levam a fama de azarados pela máxima do velho futebol de que não nasce grama na área do gol, onde ficam no campo.
Segundo a numeróloga Maria Orlanda Furlanetto, essas observações e crenças populares não passam de mera coincidência, muitas vezes forçadas. “Na conta do número de passageiros a bordo do avião, por exemplo, excluem a tripulação. Quanto à questão do goleiro, existem os reservas que vestem outros números. Aliás, o rei Pelé tinha a camisa 10, que, somando os algarismos, dá 1”, alega.
Furllaneto explica que, na numerologia, trabalha-se com numerais de apenas 1 algarismo. “Nós vamos somando o número até chegar a 1 algarismo só. A data do 11 de setembro não deve ser considerada apenas pelo dia. Para encontrar a energia da data, é necessário somar os números do mês e do ano também”, aponta.

Fonte: http://www.jcnet.com.br/mostra_fotocapa.php?codigo=3416

1 Comentário »

WordPress no Nokia não está bem….

As estatísticas estão super furadas.
Estou postando isso do celular para ver se pelo menos isso está funcionando.
Vejamos.

Deixe um comentário »

www.sirmeister.com

www.sirmeister.com também aponta para este blog.

Deixe um comentário »

Parabéns Sistema de Controle de Patrimônio e Almoxarifado

Ontem fez um ano que uso o Sistema.
No destaque, o primeiro registro.
Dia 01/09/2009 às 16:40. 

Deixe um comentário »

jotapeah.com

Registrado até 2012.

WHOIS information for jotapeah.com :

[Querying whois.verisign-grs.com]
[whois.verisign-grs.com]

Whois Server Version 2.0

Domain names in the .com and .net domains can now be registered
with many different competing registrars. Go to http://www.internic.net
for detailed information.

Domain Name: JOTAPEAH.COM
Registrar: UNIVERSO ONLINE S/A (UOL)
Whois Server: whois.host.uol.com.br
Referral URL: http://registrar.host.uol.com.br
Name Server: NS1.DOMINIOS.UOL.COM.BR
Name Server: NS2.DOMINIOS.UOL.COM.BR
Status: clientTransferProhibited
Updated Date: 01-sep-2010
Creation Date: 23-sep-2009
Expiration Date: 23-sep-2012

Deixe um comentário »

Errar é humano

É licitatório ou licitatótio?
O erro de “digitação” no Termo de Homologação do JFS ficou sem ser notado até 25/08/2010.
Três anos. Desde a 5ª parcela de 2007.
O erro foi introduzido juntamente com o código em VBA que gera o Termo.
O problema agora é lembrar a senha do projeto para corrigir o erro.
A prova do crime?
Tá na mão.

Três vivas para Aliane.
HIP HIP HURRA.

Deixe um comentário »

Assim como a novem se desfaz e passa…Tio Orlando morreu.

 

 

 

 

No comments.

Deixe um comentário »

O que o silêncio diz

No quesito palavras, não poderei
deixar de fora o mestre, o sinistro, o doce, o denso, e às vezes
ensurdecedor, silêncio. Ô bichinho para falar, sô! Quem nunca sentiu o
perigo que se anuncia no meio de uma conversa, como tapete vermelho de
um segredo, ante-sala de uma revelação? E mais, quem conhece o
silêncio? Existe, na categoria de absoluto? Uma vez fiquei, por sete
dias, numa altura que nem tenho aritmética para contar, entre
montanhas, na parte mais alta de um mosteiro em Ibiraçú, no meu lindo
Espírito Santo, escrevendo uma série para crianças, chamada Amigo
Oculto. O silêncio que me envolvia era muito animado. Fora a voz forte
e muda das rochas, que, embora subjetiva, não deixa de ser voz por
isso, se juntava a ela as MPB’s dos passarinhos tropicais, os ventos em
modalidades de quem viaja com passaporte vermelho de diplomata e,
venham de onde vier, ninguém os detém; chuvas percussionistas com seus
tambores de trovões e seus batuques nas folhas, somadas à toada de
aplausos que os pingos costumam produzir. À noite, grilos, sapos,
cobras – e até sacis – dentro da escuridão, garantiam a presença da
hóspede dentro dos aposentos, habitando o planeta denso dos sons que
moram nas cordilheiras. Um grupo que meditava na parte baixa do
mosteiro me encontrou no sexto dia e uma moça me perguntou: “Você está
aqui sozinha? Eu não aguentaria esse silêncio não, ele ia me matar!”.
Talvez ela tenha querido dizer que, num lugar desses, os nossos
interiores, vendo a casa sem vigia, vêm para fora e se pode até ficar
sem falar com os outros, mas a conversa não para. O assunto emerge
derramado pra fora aproveitando a solidão, usando o som do mato sem a
voz e o olhar do outro por perto. Tomemos especial reparo ao que chamam
silêncio de praias desertas. Qual? O das intermitentes águas e vagas,
com seus abdomens de altíssimo paredão que espocam na arrebentação pra
virar branca espuma, o dos ventos assobiando nos lençóis arenosos. E o
que é o silêncio das fazendas, tecidos de mugidos de boi e grunhidos de
porcos, arrematados pela lâmina afinada das manhãs dos galos?
Bem,
está porto que a densidade sonora dele existe e atua. Mas, quando se
ajeita no meio da comunicação entre os seres, aí este senhor se
esbalda. Tanto é que há quem tenha medo de nele cair. Ou, às vezes, a
gente sabe que, se deixar o silêncio ali entre os dois amantes, dois
amigos ou dois inimigos, este danado a quem ninguém nada explicitamente
perguntou, falará. E, mesmo não consultado, gritará. Está a serviço da
verdade e dela se vale para, sem voz, entregar, testemunhar, confirmar
o que nenhum dos dois ousara dizer. Quando se pergunta qualquer coisa,
“você vai ou não vai viajar comigo?”, “você abriu minha
correspondência?”. Ora, sabemos que se, antes de abrirmos a boca,
fizermos uma pausa (pequeno intervalo fabricado com tecido silente),
ela pode já significar a resposta, pode antecipá-la antes do som. Um
“tu me amas” perguntado, que recebe de volta uns olhos cabisbaixos e
lábios mudos pode querer acabar de vez e tristemente com a dúvida do
perguntador. Como o silêncio, sem nada falar, tudo diz, vibra como
enviado do que é e que ainda não foi dito. Reina nos lugares aonde
palavras ludibriadoras tentam de todo meio e sorte encobri-lo, catá-lo.
Logo a ele que tem o mesmo poder de ação de um verbo proferido.
Particularmente, acho que silêncio cada um tem o seu. Uns são longos,
chatos, vazios que dispersam o interlocutor. Outros, espertos,
curiosos, inteligentes, dramáticos, surpreendentes e cômicos, resultam
generosos na elucidação da narrativa. De minha parte, que dentro de
tantos inquietos sossegos, escrevo, e deles tanto me valho no palco e
na vida, dou meu troféu para aquela qualidade de silêncio que se faz
presente no fim de uma conversa depois de uma palavra que, além de
ofender, é injusta. Quando alguém, na maldade impensada das crueldades
cotidianas, diz: “Você foi VIL”, e você, ao invés de revidar logo, de
se defender, de se estabanar para provar sua inocência, deixar apenas
que o silêncio mova lentamente sua longa cauda, e, sob seu contraste,
acentue e dê moldura à palavra VIL, esta ficará ecoando, cortante,
dilacerante, protagonista como a última e infeliz palavra da mesa, a
última carta do jogo da oralidade. O silêncio vira fundo para que a
palavra e seus sentidos reverberem tanto, gemam tanto os seus intentos,
de modo que, caso o dono dela a garanta, caso tenha sido realmente
leviano, Dr. Silêncio, neste caso, é professor na artimanha de
devolvê-la em efeito bumerangue ao seu dizedor, que fica perdido no
lago do silêncio que o outro fez. A palavra volta para a boca de quem a
proferiu, mas volta , às bofetadas, caramelada de caco de vidro e com o
rabo entre as pernas de quem ficou sem ambiente. Há casos de o dono da
palavra não ter outra saída, a não ser arrepender-se amargamente do que
disse. Quando estamos corajosos, recolhemo-na a tempo e abrimos
imediatamente nosso processo de pedido de perdão por termos errado,
escolhido a má palavra. Quando estamos covardes, negamos tudo, até a
autoria, no desespero encoberto pela cara de pau: “quem disse isso?
Você está distorcendo. Eu não disse que você era vil, eu disse ‘você
viu’. Entendeu agora?”.
Inúteis os artifícios. Natural dublê da
verdade, o silêncio é o discurso dos inocentes e sempre falará como o
personagem mudo de texto mais contundente; aquele que, sem máscara ou
forma, rouba a cena e talvez seja o mais eloquente que há. Acho que
quero dizer que o silêncio, no tempo e no espaço, é o mais concreto dos
abstratos. 

Fonte

Deixe um comentário »

Testando Nokia 5530

Publicando esta entrada pelo Nokia 5530 usando conexão Wi-Fi. Muito supimpa. Abre muitíssimas paginas numa boa.

1 Comentário »

Orgulho de ser brasileiro

Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil.
Realmente parece que é um vício falar mal do Brasil.
Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos.

Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado.
Só existe uma companhia telefônica e pasmem!: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo – ou de lavar as mãos antes de comer.
Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne.

Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal – e tem fila na porta.
Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de ‘Como conquistar o Cliente’.

Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos..

Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da Língua Portuguesa.

Os brasileiros são vítimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc… Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

Os dados são da Antropos Consulting:

1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.

2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.

3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.

4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.

5.. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.

6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.

7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.

8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês.

9. Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.

10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina.

11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?

2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?

3. Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?

4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?

5. Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?

6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?

7. Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem?

Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

É! O Brasil é um país abençoado de fato.
Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos.

Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques.
Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente.
Bendita seja, querida pátria chamada
Brasil!!

Divulgue esta mensagem para o máximo de pessoas que você puder.
Com essa atitude, talvez não consigamos mudar o modo de pensar de cada brasileiro, mas ao ler estas palavras irá, pelo menos, por alguns momentos, refletir e se orgulhar de ser BRASILEIRO!!

Deixe um comentário »

Falando sobre YouTube – Shimbalaiê, Maria Gadu

Deixe um comentário »

Frases do dia – Wikiquote – http://pt.wikiquote.org/wiki/Che_Guevara

–  Eu não sou um Cristo ou um filantropo. Eu sou totalmente o contrário de Cristo, e a filantropia parece ter nenhum valor em comparação ao que eu acredito. Eu vou lutar com todas as armas ao meu alcance ao invés de me deixar ser perfurado à uma cruz ou algo do tipo.

–  Não posso ser amigo de quem não compartilha das mesmas idéias que eu.

–  As tantas rosas que os poderosos matem nunca conseguirão deter a primavera.

Deixe um comentário »

Hello world!

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!

Deixe um comentário »

%d blogueiros gostam disto: