JotaPêAh!

Aparelho pode por fim às torres de celulares

em 08/02/2011 14:03:15

A Alcatel-Lucent apresentou, ontem, em Londres, uma nova tecnologia capaz de substituir antenas de telefonia baseadas em torres por um pequeno aparelho com menos de 1 quilo.

Chamado de LightRadio, o novo formato é baseado em um pequeno cubo de rádio, de 300 gramas, capaz de emitir o sinal entre frequências de 400 MHz a 4 GHz, e um outro aparelho responsável pelo processamento. Com isso, o conjunto seria capaz de oferecer sinal nos padrões 2G, 3G e 4G simultaneamente.

Entre as vantagens apresentadas pela empresa para a nova tecnologia estão a diminuição da necessidade de locação de espaço para a instalação das antenas, diminuição do consumo de energia por parte das torres e a melhoria da qualidade da cobertura por meio de uma melhor distribuição dos pontos.

Além disso, o padrão LightRadio também oferece a possibilidade de instalar pontos emissores em laterais de prédios, postes ou qualquer lugar onde exista uma demanda por banda larga.

De acordo com presidente de tecnologias da Alcatel-Lucent, Wim Sweldens, oLightRadio não se trata de uma solução doméstica, uma vez que ele possui alcance macro.

O novo formato gerou mais de 200 novas patentes e contou com a parceria da Bell Labs, instituto de pesquisa da Alcatel-Lucent, da HP e da Freescale. De acordo com o comunicado, as teles China Mobile, a americana Verizon e a europeia Orange serão as primeiras a testar o novo formato.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/ti/aparelho-pode-por-fim-as-torres-de-celulares-08022011-9.shl


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: