JotaPêAh!

Aslan’s Meditation (3/11)–Fácil falar, difícil fazer

em 31/01/2011 11:34:03

Bem vindo a terceira parte da nossa série – que agora tem um nome: Construindo sobre a Rocha. Estamos examinando cada uma das virtudes listadas em 2 Pedro 1:5-8 , acrescentando cada um e considerando o que eles significam. Veja aqui as outras partes.

 

Por isso mesmo façam todo o [esforço] possível para juntar a bondade à fé que vocês têm. À bondade juntem o conhecimento e ao conhecimento, o domínio próprio. Ao domínio próprio juntem a perseverança e à perseverança, a devoção a Deus. A essa devoção juntem a amizade cristã e à amizade cristã juntem o amor. Pois são essas as qualidades que vocês precisam ter. Se vocês as tiverem e fizerem com que elas aumentem, serão cada vez mais ativos e produzirão muita coisa boa como resultado do conhecimento que vocês têm do nosso Senhor Jesus Cristo.

No artigo anterior falamos sobre fé: como ela é o fundamento de tudo em que acreditamos, essencial antes de acrescentarmos qualquer outra virtude à lista. Neste artigo, vamos voltar ao verso, com este fundamento em mente, à palavra esforço.

Não vimos ainda todas as virtudes listadas que Pedro diz que devemos adicionar à fé. Mas antes de começar, temos que ter a mentalidade do esforço. Não será uma jornada fácil e sem dor. e Pedro quer quer você saiba que deve se preparar.

Eu pessoalmente acho que esforço é uma coisa realmente difícil de dominar. É fácil e falar e difícil de fazer.  Às vezes é mais fácil perserverar nos momentos mais desagradáveis, emocionais, traumáticos da vida do que nas atividades mais banais e tediosas do trabalho e da escola. Quero dizer, na verdade, ser diligente?

Essa é a definição de esforço(sinônimo de diligência): dar o grau de cuidado necessário para uma dada situação.

E perseverança: persistente determinação.

A diferença entre essas duas palavras está nas palavras  cuidado e determinação.

Acho que uma das coisas mais difíceis para mim é fazer as coisas de forma consistente. Eu deveria fazer um dever de casa todos os dias, em vez de tentar fazer todas no domingo à noite. Eu posso estar perseverando quanto a completar tudo no sábado à noite, mas não estarei sendo muito esforçado, não é?

Esforçar é difícil porque é algo que precisa ser feito diariamente. Geralmente exige tarefas banais que não são realmente concluídas depois de concluí-las. Como lavar a louça, limpar a casa, completando atribuições. Sempre há outra coisa para fazer quando você termina algum. Mas enquanto trabalha duramente nisso tudo, você não percebe que há algo maior no trabalho.

Você quase nunca vai ver os resultados imediatos dos seus esforços. Mas é engraçado – as coisas mais importantes das nossas vidas, aquilo que nos molda, transforma – são coisas que fizemos durante anos. As coisas que lentamente, ao longo do tempo, construíram uma base sólida.

Pedro diz para fazer todo o esforço possível, porque nenhuma dessas qualidades vão acontecer sem nossa entrega à Cristo.

Diariamente.

Isso é tão difícil para mim. Eu penso sobre isso, e isso realmente não deveria ser tão difícil, certo? Quer dizer, eu como diariamente, durmo diariamente, bebo água diariamente. Tudo isso são coisas que eu preciso.

Uma coisa que Deus me fez pensar outro dia foi que eu como três vezes ao dia porque preciso. Eu falo com Deus porque eu preciso dele?

Eu fui condenado porque eu tinha que dizer “não.” Quero dizer, eu rezo antes de cada refeição, com certeza.  Mas eu realmente tiro tempo, cada dia, para passar com quem me sustenta? Cada respirar depende dele.

  Esforço é dar passos diários para fazer uma mudança.

Se você olhar para o último versículo desta passagem – se essas coisas são suas e são muitas – você não será improdutivo no conhecimento de Jesus.

Uau. Como seria se minha vda não fosse improdutiva? Se essas qualidades e virtudes não só fossem minhas, mas fossem abundantes?

Mas não é algo que, de uma hora para outra, você adquiri essas qualidades. É por isso que Pedro diz para fazer todo o esforço.

Ele nã diz para fazer esforço, mas sim, TODO o esforço necessário.

Você já parou para pensar no poder da palavra “todo”? Nós empregamos muito esses dias. “Ele comeu todo o sorvete”. “Você está ocupando todo o espaço à esquerda”. “Você não está me ajudando em tudo”.

Mas “todo” significa mais do que isso. Significa tudo. É abrangente.

Deus não nos chama para darmos parte de nós a ele. Ele nos chama para darmos tudo.  Isso me faz lembrar de uma música chamada “You Are”. O refrão é mais ou menos assim:

Eu te dou tudo de mim
para tudo que você é
Aqui estou
Separe-me

Nós permitimos que Deus trabalhe em nossas vidas completamente?  Nos entregamos por completo, mesmo nas tarefas mais banais? Nós não podemos ver o grande quadro enquanto estamos bem no meio dele – mas é através do esforço e da paciência que um dia vamos ver o resultado final. E o animador é que Cristo está conosco por todo o caminho. Ele nos dará a força necessária para nos entregarmos completamente a Ele.

Estava tentando descobrir como tudo isso se aplica a Nárnia. Pensei em vários personagens antes de pensar na obra como um todo.

Cada um dos pensonagens viveram experiências diferentes, diferentes tentações, e aprenderam coisas diferentes – não apenas em Peregrino da Alvorada, mas em todos os livros. E quando você está lendo cada livro, você tem uma imagem de como Nárnia é.

A Nárnia que você lê em Sobrinho do Mago é diferente da que você lê em A Viagem do Peregrino da Alvorada. No entanto, quando você termina de ler os sete livros, surge uma história que não vemos quando estamos lendo – cada história se torna uma parte do que as Crônicas são.

Você já chegou a algum ponto nos livros (qualquer livro) que é super super chato, não faz sentido algum, é apenas o diálogo entre duas pessoas, mas mesmo assim, é essencial para o coração da história?

Eu me lembro de ser muito pequena e estar lendo O Cavalo e Seu Menino, sem absorver nenhuma palavra do encontro entre o  Tisroc  e Rabadash na sala onde Aravis e Lasaralina estavam escondidas. É uma parte muito importante para mim agora, mas como uma criança de 8 anos, eu tive que fazer esforço para terminar aquele capítulo – e então passou a fazer mais sentido.

Meu desafio para você essa semana é buscar a Cristo de forma diligente e diária. Tente pegar algo que você vai fazer todos os dias, e faça com persistência. Leia sua Bíbia todos os dias, fale com Deus, ou fique off no facebook. Qualquer coisa que Deus te convença. Um mês atrás, eu fiz o compromisso de ler minha Bíblia por pelo menos cinco minutos todos os dias pelo resto da minha vida. É mais ou menos na monotonia, fase de rotina, e às vezes faço só por fazer. Mas eu vejo Deus agindo enquanto eu leio. Cada vez mais acho que é um hábito, algo que eu espero, e Deus tem me ensinado muitas coisas.

Esforço. è fácil dizer, difícil fazer, mas os resultados são enormes.  Entregue-se a Cristo, tudo o que você é, todo dia. Você nunca, jamais vai se arrepender.

Fonte: http://www.aslanscountry.com/2011/01/aslans-meditations-easy-to-say-harder-to-do/


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: