Aslan’s Meditation (3/11)–Fácil falar, difícil fazer

Bem vindo a terceira parte da nossa série – que agora tem um nome: Construindo sobre a Rocha. Estamos examinando cada uma das virtudes listadas em 2 Pedro 1:5-8 , acrescentando cada um e considerando o que eles significam. Veja aqui as outras partes.

 

Por isso mesmo façam todo o [esforço] possível para juntar a bondade à fé que vocês têm. À bondade juntem o conhecimento e ao conhecimento, o domínio próprio. Ao domínio próprio juntem a perseverança e à perseverança, a devoção a Deus. A essa devoção juntem a amizade cristã e à amizade cristã juntem o amor. Pois são essas as qualidades que vocês precisam ter. Se vocês as tiverem e fizerem com que elas aumentem, serão cada vez mais ativos e produzirão muita coisa boa como resultado do conhecimento que vocês têm do nosso Senhor Jesus Cristo.

No artigo anterior falamos sobre fé: como ela é o fundamento de tudo em que acreditamos, essencial antes de acrescentarmos qualquer outra virtude à lista. Neste artigo, vamos voltar ao verso, com este fundamento em mente, à palavra esforço.

Não vimos ainda todas as virtudes listadas que Pedro diz que devemos adicionar à fé. Mas antes de começar, temos que ter a mentalidade do esforço. Não será uma jornada fácil e sem dor. e Pedro quer quer você saiba que deve se preparar.

Eu pessoalmente acho que esforço é uma coisa realmente difícil de dominar. É fácil e falar e difícil de fazer.  Às vezes é mais fácil perserverar nos momentos mais desagradáveis, emocionais, traumáticos da vida do que nas atividades mais banais e tediosas do trabalho e da escola. Quero dizer, na verdade, ser diligente?

Essa é a definição de esforço(sinônimo de diligência): dar o grau de cuidado necessário para uma dada situação.

E perseverança: persistente determinação.

A diferença entre essas duas palavras está nas palavras  cuidado e determinação.

Acho que uma das coisas mais difíceis para mim é fazer as coisas de forma consistente. Eu deveria fazer um dever de casa todos os dias, em vez de tentar fazer todas no domingo à noite. Eu posso estar perseverando quanto a completar tudo no sábado à noite, mas não estarei sendo muito esforçado, não é?

Esforçar é difícil porque é algo que precisa ser feito diariamente. Geralmente exige tarefas banais que não são realmente concluídas depois de concluí-las. Como lavar a louça, limpar a casa, completando atribuições. Sempre há outra coisa para fazer quando você termina algum. Mas enquanto trabalha duramente nisso tudo, você não percebe que há algo maior no trabalho.

Você quase nunca vai ver os resultados imediatos dos seus esforços. Mas é engraçado – as coisas mais importantes das nossas vidas, aquilo que nos molda, transforma – são coisas que fizemos durante anos. As coisas que lentamente, ao longo do tempo, construíram uma base sólida.

Pedro diz para fazer todo o esforço possível, porque nenhuma dessas qualidades vão acontecer sem nossa entrega à Cristo.

Diariamente.

Isso é tão difícil para mim. Eu penso sobre isso, e isso realmente não deveria ser tão difícil, certo? Quer dizer, eu como diariamente, durmo diariamente, bebo água diariamente. Tudo isso são coisas que eu preciso.

Uma coisa que Deus me fez pensar outro dia foi que eu como três vezes ao dia porque preciso. Eu falo com Deus porque eu preciso dele?

Eu fui condenado porque eu tinha que dizer “não.” Quero dizer, eu rezo antes de cada refeição, com certeza.  Mas eu realmente tiro tempo, cada dia, para passar com quem me sustenta? Cada respirar depende dele.

  Esforço é dar passos diários para fazer uma mudança.

Se você olhar para o último versículo desta passagem – se essas coisas são suas e são muitas – você não será improdutivo no conhecimento de Jesus.

Uau. Como seria se minha vda não fosse improdutiva? Se essas qualidades e virtudes não só fossem minhas, mas fossem abundantes?

Mas não é algo que, de uma hora para outra, você adquiri essas qualidades. É por isso que Pedro diz para fazer todo o esforço.

Ele nã diz para fazer esforço, mas sim, TODO o esforço necessário.

Você já parou para pensar no poder da palavra “todo”? Nós empregamos muito esses dias. “Ele comeu todo o sorvete”. “Você está ocupando todo o espaço à esquerda”. “Você não está me ajudando em tudo”.

Mas “todo” significa mais do que isso. Significa tudo. É abrangente.

Deus não nos chama para darmos parte de nós a ele. Ele nos chama para darmos tudo.  Isso me faz lembrar de uma música chamada “You Are”. O refrão é mais ou menos assim:

Eu te dou tudo de mim
para tudo que você é
Aqui estou
Separe-me

Nós permitimos que Deus trabalhe em nossas vidas completamente?  Nos entregamos por completo, mesmo nas tarefas mais banais? Nós não podemos ver o grande quadro enquanto estamos bem no meio dele – mas é através do esforço e da paciência que um dia vamos ver o resultado final. E o animador é que Cristo está conosco por todo o caminho. Ele nos dará a força necessária para nos entregarmos completamente a Ele.

Estava tentando descobrir como tudo isso se aplica a Nárnia. Pensei em vários personagens antes de pensar na obra como um todo.

Cada um dos pensonagens viveram experiências diferentes, diferentes tentações, e aprenderam coisas diferentes – não apenas em Peregrino da Alvorada, mas em todos os livros. E quando você está lendo cada livro, você tem uma imagem de como Nárnia é.

A Nárnia que você lê em Sobrinho do Mago é diferente da que você lê em A Viagem do Peregrino da Alvorada. No entanto, quando você termina de ler os sete livros, surge uma história que não vemos quando estamos lendo – cada história se torna uma parte do que as Crônicas são.

Você já chegou a algum ponto nos livros (qualquer livro) que é super super chato, não faz sentido algum, é apenas o diálogo entre duas pessoas, mas mesmo assim, é essencial para o coração da história?

Eu me lembro de ser muito pequena e estar lendo O Cavalo e Seu Menino, sem absorver nenhuma palavra do encontro entre o  Tisroc  e Rabadash na sala onde Aravis e Lasaralina estavam escondidas. É uma parte muito importante para mim agora, mas como uma criança de 8 anos, eu tive que fazer esforço para terminar aquele capítulo – e então passou a fazer mais sentido.

Meu desafio para você essa semana é buscar a Cristo de forma diligente e diária. Tente pegar algo que você vai fazer todos os dias, e faça com persistência. Leia sua Bíbia todos os dias, fale com Deus, ou fique off no facebook. Qualquer coisa que Deus te convença. Um mês atrás, eu fiz o compromisso de ler minha Bíblia por pelo menos cinco minutos todos os dias pelo resto da minha vida. É mais ou menos na monotonia, fase de rotina, e às vezes faço só por fazer. Mas eu vejo Deus agindo enquanto eu leio. Cada vez mais acho que é um hábito, algo que eu espero, e Deus tem me ensinado muitas coisas.

Esforço. è fácil dizer, difícil fazer, mas os resultados são enormes.  Entregue-se a Cristo, tudo o que você é, todo dia. Você nunca, jamais vai se arrepender.

Fonte: http://www.aslanscountry.com/2011/01/aslans-meditations-easy-to-say-harder-to-do/

Código fonte de antivírus da Kaspersky vaza na internet

O código fonte do que parece ser uma versão beta do Kaspersky Anti-Virus 8.0 (2009) está disponível na internet em diversos sites de torrents. Para sites russos, a empresa de Moscou confirmou que o código foi obtido por um ex-funcionário. Ele foi condenado a três anos de prisão por roubo de propriedade intelectual.

O vazamento foi noticiado em abril de 2009. O código estaria disponível para a venda no mercado negro, mas não havia confirmação se o código era legítimo. Agora, o programa da Kaspersky circula livremente pelos sites e redes de trocas de arquivos.

A Kaspersky disse ao site russo CNews que o arquivo vazado realmente contém uma “um fragmento de uma versão obsoleta do mecanismo antivírus, que desde então foi bastante modificado e atualizado”. Criminosos teriam dificuldade em descobrir algo, já que o antivírus teria mudado muito.

A empresa ainda informou que a distribuição aberta e gratuita do código teria iniciado em novembro de 2010 dentro de algumas comunidades criminosas fechadas. Depois, foi colocado em um site de hospedagem gratuita. Agora, circula por sites de torrents.

Consultado pela CNews, um especialista de uma distribuidora da ESET, fabricante do antivírus NOD32, afirmou que o maior dano seria à reputação da Kaspersky, por ser uma empresa que lida com segurança.

Em outubro, um site mantido pela Kaspersky sofreu uma invasão e distribuiu códigos maliciosos a seus visitantes.

A Kaspersky não é a única empresa conhecida a ter seu código fonte vazado. Em 2004, trechos dos códigos do Windows 2000 e do Windows NT4 também foram colocados na internet.

Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/01/codigo-fonte-de-antivirus-da-kaspersky-vaza-na-internet.html

Abertura–O Máscara PT-BR

O Máscara

 

Com um sorriso eu sou uma lição de talento e muito estilo,
ninguem tem como não ver o meu savoir-faire!
Sou robô deco, o romano grego, rococó, barroco, Be-BOP e hiphop, Aí Eu sou POP,
Alguem me segure!!
Caras bonitas não surgem á toa,
eu me distaco sim, na multidão!!
Depois de feito quebraram meu molde!!
(com muita elegância). Refinação. Sou uma alucinação.
Vilões criam confusões
preparem as celas das prisões.
(O verde combina com qualquer coisa que quiserem, viram?).
Tem mais uma coisa que eu quero cantar
abram a boca, gritem sem parar ohhhhhhhhhhhh CUIDADO!!!!!
ESSE É O MASCARA (Que demais!!!)

Tag

Depois de umas seis horas, consegui terminar a árdua missão de colocar tags em todos os outros posts.

No Windows Live Space não havia a possibilidade de colocar tags, só categorias (em número limitado, aliás).

Além de ter que colocar essas tags, também tive que remover a formatação anterior, pois dava conflito na hora de publicar novamente.

Mas agora está tudo de boa.

Aslan’s Meditation (2/11): Rocha Sólida

Autora: Hannah Dokupil

Textos Bíblicos conforme Nova Tradução na Linguagem de Hoje

 

Esta é a segunda parte, de onze, da nossa série sobre 2 Pedro 1:5-8.

Por isso mesmo façam todo o [esforço] possível para juntar a bondade à fé que vocês têm. À bondade juntem o conhecimento e ao conhecimento, o domínio próprio. Ao domínio próprio juntem a perseverança e à perseverança, a devoção a Deus. A essa devoção juntem a amizade cristã e à amizade cristã juntem o amor. Pois são essas as qualidades que vocês precisam ter. Se vocês as tiverem e fizerem com que elas aumentem, serão cada vez mais ativos e produzirão muita coisa boa como resultado do conhecimento que vocês têm do nosso Senhor Jesus Cristo.

 

Nesta parte, vamos olhar para a primeira qualidade listada: a fé.

Há uma razão para a fé estar em primeiro lugar na lista. Em Hebreus diz que sem fé ninguém pode agradar a Deus, porque quem vai a ele precisa crer que ele existe e que recompensa os que procuram conhecê-lo melhor. Hebreus 11:6.

Isso é muito poderoso. Esse versículo diz que sem fé é impossível agradar a Deus. IMPOSSÍVEL.

Fé é a nossa fundação, é o que permanece verdadeiro, quando nada mais é. Você pode olhar para todas as outras qualidades listadas – a bondade, o conhecimento, o domínio próprio, a perseverança, a devoção a Deus – todas são grandes qualidades, mas você não pode reter nenhuma delas.

Fé… fé é fácil quando você sente. É fácil ter fé em Deus quando você o vê agindo. Mas o que não é tão fácil é ter fé quando você não a sente – mesmo sendo o centro da fé – acreditar, mesmo quando você não vê.

Eu já passei por momento na minha vida quando não senti Deus. Eu não o vejo agindo e não sinto que esteja adorando, e não importa o que eu faça, é como se eu estive fazendo sozinha.

De fato, a semana passada esteve provavelmente na lista das semanas mais “pela fé” que eu experimentei.

Lembro de uma frase de Elizabeth Elliot que diz: “Fé nao é um sentimento. É uma ação, uma escolha voluntária.”

Só porque eu não sinto Deus, não quer dizer que ele não esteja comigo. Mas ele está,  e é por isso que eu coloquei minha fé nele, dizendo: “Deus, eu não sinto sua presença agora, mas eu te vi agindo no passado, e eu sei que você está comigo.”

Um sermão na minha igreja foi particularmente inpactante, e eu nunca esqueci. A premissa era “não se esqueça, na escuridão, que você viu a luz”.

Quando a sua fé é abalada, quando você não pode ver, a coisa mais importante é se lembrar como Deus falou com você na luz. Nunca, jamais esqueça uma circunstância em que você viu Deus.

Mesmo em Hebreus 11:1, por definição, a fé é a “certeza de que vamos receber as coisas que esperamos e a prova de que existem coisas que não podemos ver.”

Esperança é uma palavra maravilhosa, não acha? É uma palavra cheia de… bem, esperança. É incrível o que a pesperctiva de esperança fará até mesmo com a mais terrível das circunstâncias, e este verso diz que a fé é a certeza de que vamos receber as coisas que esperamos.

Mas, o que é esperança, mesmo?

Romanos 8:25 diz: “Pois foi por meio da esperança que fomos salvos. Mas, se já estamos vendo aquilo que esperamos, então isso não é mais uma esperança. Pois quem é que fica esperando por alguma coisa que está vendo? Porém, se estamos esperando alguma coisa que ainda não podemos ver, então esperamos com paciência.”

Uau! Isso é poderoso – para mim, é um lembrete constante de esperar com alegria em Cristo, quando eu não entendo, por causa da esperança que eu tenho em meu Senhor e Salvador.

Essa é a nossa fundação, o alicerce para tudo em nossa vida cristã.

Lúcia sempre foi uma das minhas personagens favoritas na série de Nárnia, por várias razões – uma delas é a fé. De todos os Pevensie, Lúcia é a que mantém uma fé inabalável em Aslan, de que ele é Todo-Poderoso e que virá sempre.

À medida que crescemos, a fé se torna cada vez mais difícil – porque quanto mais aprendemos sobre o mundo, mais ele tenta nos distrair de Cristo. Eu vejo isso acontecendo com a Lúcia, a mais notável nos filmes.

Em LFG, é fácil para Lúcia ter fé em Aslan. Ele é grande, forte, poderoso, e ela está vivendo em uma espécie de mundo de sonho. Nárnia foi uma nova descoberta,  ela era uma pequena criança, e esse foi apenas o começo de suas aventuras lá. Eu vejo muita da minha infância na Lúcia de LFG. Despreocupada, feliz, mas forte, fiel – que caracteriza muito da infância de crianças que cresceram na proteção de lares cristãos. Sem saber muito sobre o mundo, mas vivendo a fé simples, infantil.

Em Príncipe Caspian, ela está um pouco mais velha. E embora ela não tenha dúvidas sobre Aslan e sua fé não vacile, ela está relutante em abandonar os outros e seguir Aslan. Ela acredita que ele está lá, mas estava com muito medo de segui-lo sozinha. Eu vejo isso em mim mesma quando eu estava no ensino médio: tentando me ajustar, mas ainda tentando agarrar minha fé e aquilo em que acredito. Conhecendo um pouco mais do mundo, e de repetente, hesitante ou não, você quer que o mundo saiba sobre sua fé.

E finalmente, em Peregrino da Alvorada, vemos Lúcia tendo oportunidade de colocar em prática aquilo em que ela depositou sua fé. Ela tentou duramente com as tentações para se tornar bonita, ainda acreditando em Aslan com toda sua força, mas lutando para equilibrar sua crença com como exatamente deve viver as etapas de sua vida.

Que tipo de fé somos chamados a ter?

Mateus 10:16 diz: “Escutem! Eu estou mandando vocês como ovelhas para o meio de lobos. Sejam espertos como as cobras e sem maldade como as pombas.”

Somos chamados a ter uma fé simples, infantil, mas com a sabedoria de quem é mais velho e mais sábio.

Mas nós não podemos passar todo esse texto falando sobre fé sem falar sobre o objeto de nossa fé. Até agora falamos sobre ter fé em Jesus Cristo – mas eu acho beleza no fato de que nossa fé é somente em Jesus Cristo.

Cristo é nosso rei. É neste Rei que colocamos nossa fé. É dele que nossa esperança vem. Não é apenas um pensamento mesquinho, ideia, ou algo que uma vez ouvimos falar. O Deus do universo, o criador de tudo, te abraça com ternura na palma de Sua mão – é o único em quem depositamos essa confiança.

O meu desejo para você essa semana é que você dê aquele salto de fé. Mantenha as preciosas verdades que você sabe, que você viu na luz. Nós acreditamos em um Salvador que é muito mais bonito, poderoso e amoroso que qualquer coisa neste mundo. Ele é o objeto de nossa fé, a certeza da nossa esperança, aquele em quem podemos confiar totalmente, em cada aspecto de nosso vida.

Fonte: http://www.aslanscountry.com/2011/01/aslans-meditations-solid-rock/

Linguagem tatibitate

"[…] Linguagem tatibitate – É um distúrbio (e também de fonação) em que se conserva voluntariamente a linguagem infantil. Geralmente tem causa emocional e pode resultar em problemas psicológicos para a criança […]"

A partir do exposto acima é possível compreender de uma maneira simples o significado da linguagem tatibitate.

Pense na fala da uma criança no processo inicial da linguagem falada.

Quem nunca achou uma gracinha quando a criança diz “qué aca” ou “paca pota” ou ainda “dedê té pincá”?

Lindinho mesmo, não é?

Traduzindo a fala fica assim: “quero água”…”faca corta”…..”nenê quer brincar”.

O que ocorre na linguagem tatibitate é exatamente isso, a fala infantilizada que, infelizmente, é reforçada com a repetição daquele que já se apropriou do modo correto de falar, seja no grupo familiar ou social.

Normalmente repete-se o que a criança diz no mesmo modo, o que faz com que ela vá perdendo oportunidades de aprender a pronúncia correta das palavras.

A criança relaciona, por exemplo, algumas palavras a verbos conjugados no passado. Quando ela diz “trazi” ou “fazi” está associando a “comi”, “bebi” etc.

Não está errada a maneira como ela fala, está sim, precisando ouvir a maneira correta de se pronunciar as palavras.

Deve-se evitar corrigi-la aos gritos, porque a criança não tem culpa de ainda não ter aprendido a falar, e menos ainda se aos 9 anos ela ainda fala como um bebê. Às vezes a mamãe não quer que o bebê cresça, e ela é a pessoa que está mais próxima dele exercendo grande influência na sua vida.

Ao invés de falar da mesma forma que as crianças deve-se repeti-las corretamente.

Quando a criança diz “qué aca” é necessário responder com boa articulação e de preferência, que ela possa visualizar o movimento bucal. Pode-se perguntar a ela: “Você quer água?” ou “É verdade, a faca corta.” ou ainda “Você quer brincar?”

É fundamental que todos os envolvidos no processo de desenvolvimento da criança (família, parentes, escola etc.), estejam atentos a isso.

Realmente quando a criança começa a falar é bonitinho, mas o “bonitinho” pode gerar sérios problemas.

Na fase da alfabetização, por exemplo, poderá ocorrer a manifestação do distúrbio também na escrita, na leitura e deve ser corrigido com delicadeza.

Pelo fato de haver a possibilidade de o distúrbio ter como uma das causas interferência do aspecto emocional deve-se encaminhar o caso a um psicólogo.

Deve-se também encaminhar a um fonoaudiólogo para correção fonética.

Vale ressaltar que esse distúrbio pode causar problemas de aprendizagem, portanto um psicopedagogo poderá auxiliar.

É uma situação que deve, como tantas outras, ser bem compreendida e merece atenção e cuidado.

Atenção! No início pode ser visto como característica normal da linguagem, porém se perseverar ao longo do tempo é necessário que haja avaliação de especialistas.

Lembre-se: Pais e Educadores são modelos para as crianças.

ALGUMAS SUGESTÕES PARA PAIS E EDUCADORES AUXILIAREM A CRIANÇA NO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM

(Redação Crescer)

– Promova o diálogo

– Aproveite situações do cotidiano para ouvir o que seu filho está falando e conversar com ele apresentando o nome das coisas. Assim, as palavras ganham significado e são gravadas com mais facilidade.


– Na hora das refeições, fale do prato, da colher, das cores e consistência dos alimentos.


– Aproveite o banho para nomear as partes do corpo e narrar as ações que a criança estiver fazendo: pegar o sabonete, a esponja, jogar água, esfregar a perna.


– Faça comentários sobre a forma e a textura dos brinquedos.


– Conte algo do dia com detalhes interessantes para a criança: o momento em que a vovó telefonou, uma coisa que você viu na rua.


– Leia e conte histórias.


– Ouçam e cantem juntos músicas e historinhas infantis.

Noêmia A. Lourenço

Fonte: http://psicopedagoclieduc.blogspot.com/2010/05/linguagem-tatibitate.html

Brasileiro ainda não aprendeu a ver TV, diz colunista do Yahoo!

Brasileiro, o telespectador infantil

 

Lá se vão pouco mais de 60 anos desde a sua estreia. No dia 18 de setembro de 1950, em São Paulo, a TV Tupi foi a primeira emissora de televisão brasileira. Porém, apesar de sexagenária, boa parte de sua audiência parece continuar na primeira infância, fase que compreende do nascimento aos três anos de idade e é marcada pela dependência de terceiros, pelo egocentrismo e a repetição de gestos e hábitos para se sentir segura.

Os exemplos mais recentes desta imaturidade foram o fim de “Passione”, a estreia de “Insensato Coração” e o retorno do “Big Brother Brasil”.

Um dos poucos autores que ainda tem meu respeito, Silvio de Abreu quase não ousou em “Passione”. Bons tempos em que ele brincava com as regras do folhetim, como em “Guerra dos Sexos”, “Sassaricando” e “A Incrível Batalha das Filhas da Mãe no Jardim do Éden”. O único abuso e afronta de “Passione” foi a pedofilia. O autor merece elogios por tratar de forma escancarada um tema tão delicado, e ainda contar com a excepcional atuação de Daisy Lucidi, a ‘velha porca’ Valentina Miranda.

Silvio de Abreu cedeu de vez ao comodismo em “Passione”. Não foi uma novela fraca, mas a trama ficou bem aquém de seus trabalhos mais recentes. O autor requentou sua fórmula de sucesso – thriller e comédia, com toques de melodrama. Funcionou, mas sem a magia de “Torre de Babel”, “A Próxima Vítima” e “Belíssima”.

O público notou a falta de criatividade de Silvio de Abreu. Nas redes sociais, milhares de telespectadores ficaram descontentes com o encerramento da trama. Porém, mesmo assim ofereceram uma audiência estrondosa para o último capítulo de “Passione”. Média de 52 pontos, com 75% dos televisores ligados sintonizados na novela.

Começa “Insensato Coração”. Gilberto Braga não é mais o mesmo. Seu texto está pobre. Logo nos primeiros capítulos, o autor já estabelece quem são os mocinhos e os vilões. Não há mais uma análise moral e ética dos personagens, como em “Vale Tudo”, atualmente em exibição na TV paga, ou em “O Dono do Mundo”.

A audiência mais uma vez nota o comodismo do autor, mas nem por isso deixa de prestigiar a novela. Na estreia, marcou 37 pontos, mesma média do início de “Passione”. Os telespectadores voltam a se comportar como uma criança na primeira infância.

Mas é com o “BBB’ que o telespectador brasileiro expõe por completo sua imaturidade. Há anos, boa parte da audiência repete a mesma ladainha. Dizem que o reality show é uma perda de tempo, que a televisão deveria investir em programas educativos e que a Globo contribui para a ignorância da população, entre outras bobagens panfletárias.

A campanha mais recente defende a troca do “BBB” por um livro. Ora, eu posso ler e assistir ao reality show. Que crime há nisso? Quem adere a essa pretensa campanha educativa quer apenas posar de intelectual. Sejamos sinceros: ninguém trocará o “BBB” por um livro. Nem mesmo por programas educativos.

Fosse assim, neste momento a TV Cultura e a TV Brasil estariam arrebentando na audiência. Apenas falácia de telespectadores que desejam parecer superiores aos demais, mas que no fim revelam seu comportamento infantil. Se sentem os donos da razão, precisam da aprovação de terceiros (olhem para mim, sou intelectual!) e dão sua espiadinha escondida no reality show. Afinal, quem não assiste ou pouco se importa com o “BBB” sequer se manifesta. Lê seu livro, vai ao cinema, ouve música ou dorme sem carregar bandeira alguma.

 

Fonte: http://colunistas.yahoo.net/posts/8018.html

Torre de Babel

Muito bem.
Traduzi o texto inicial do Aslan’s Meditation.
A autora do texto até postou um comentário seu blog pessoal comentando isso (http://xian-na.blogspot.com/2011/01/translation.html), mas fez um comentário que motivou uma resposta da minha parte.

A seguir, o comentário dela:

“Someone translated my Aslan’s Meditations Devotional into Brazilian Portuguese, right HERE. Isn’t that just really neat? I stuck it all into google translate, and while it sounded sort of like someone who didn’t know english very well, it was the same idea, and I thought that was SO. COOL.”

Embora ela mesma assuma que usou o tradutor do Google para embasar seu comentário, resolvi me “defender”.

Os trechos a seguir mostram o texto original, em português, e o texto em inglês, traduzido pelo Google.

PORTUGUÊS  / BRAZILIAN PORTUGUESE

“Olá, eu fiz a tradução do seu texto e, em minha defesa, devo dizer que o Google efetua uma tradução mecânica. Eu fiz uma tradução manual, levando em consideração os regionalismos do Brasil. Então, na verdade, eu fiz uma adaptação, e não uma tradução. Uma palavra em inglês pode ter muitas correspondências em português, dependendo do contexto. Se você já usou algum tradutor automático, você deve saber que eles servem apenas para dar uma ideia do que o texto está querendo dizer. Por exemplo, no topo do seu blog tem a seguinte frase: "One day, one night, one moment, with a dream to believe in. One step, one fall, one falter, find a new earth across a wide ocean." Esse fall, de "one fall", no google em português, tem todos esses significados que você pode ver no link http://translate.google.com.br/#en|pt|fall

E sobre os textos bíblicos, eu utilizei uma versão diferente, muito popular no Brasil, que é a Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH).

Então, não quer dizer que eu não conheço muito bem o inglês, e sim que as escolhas que eu fiz foram diferentes das do google tradutor. Eu sou brasileiro, falo português, e sei que a tradução do google, para o seu artigo, não é boa. Até porque ele não diferencia o português do Brasil e o de Portugal. Por isso eu tive que fazer as alterações. Seria mais fácil colar seu texto no google e copiar a tradução. Mas eu preferi ter todo esse trabalho para que ficasse com a "cara" do Brasil, portanto, mais fácil de compreender. Uma pessoa que entenda português, terá maior facilidade de leitura com meu texto, e não com o do google.

Faça um teste: este texto foi traduzido para o inglês usando o google. Pareço conhecer o inglês agora? Acredito que não. rsrsrsrsrs.

Estou esperando ansioso pelo próximo texto para continuar a tradução.”

 

E agora, INGLÊS / ENGLISH

“Hello, I did the translation of its text and in my defense I must say that Google performs a machine translation. I did a manual translation, taking into account the regionalism of Brazil. So, actually, I made an adjustment, not a translation. An English word can have many matches in Portuguese, depending on context. If you’ve used any automatic translator, you should know that they serve only to give an idea of what the text is saying. For example, on top of your blog has the following sentence: "One day, one night, one moment, with a dream to believe in. One step, one fall, one falter, find a new earth across a wide ocean." This fall, "one fall", on google in Portuguese, has all these meanings that you can see the link http://translate.google.com.br/ # en | en | fall
What about the biblical texts, I used a different version, very popular in Brazil, which is the New Translation Today’s English Version (TEV).
So, not to say that I do not know much English, but that the choices I made were different from the google translator. I am Brazilian, I speak Portuguese, and I know the google translation for your article, is not good. Also because he does not differentiate the Portuguese of Brazil and Portugal. So I had to make changes. It would be easier to paste your text and copy the google translation. But I preferred to all this work to stay with the "face" of Brazil, therefore, easier to understand. A person who understands Portuguese, will find it easier to read my text, and not with google.
Take a test: this text was translated into English using google. I seem to know English now? I think not. hehehehehe.
I am eagerly awaiting the next text to continue the translation.”

 

Qualquer pessoa que conheça bem o inglês, verá que esse texto está meio…..ruim…..

É tudo culpa da Torre de Babel.

O que é superfish? [Saiba aqui…]

De uns tempos para cá meu Firefox começou a mostrar na barra de status que está carregando um site chamado superfish.com.

O déta é que eu não me lembro de ter instalado nada que precise desse site para qualquer coisa.

Só pode ser um táhbatah comando…

Pesquiso no google e não encotro nada que me esclareça.
Onfs.

 

SOLUÇÃO DO “PROBLEMA”

A extensão IE TAB PLUS vem com o comparador de preços Superfish Windows Shoper.
Então, é não é nada “demais”.
De acordo com o site www.superfish.com/about_ie_tab_jspnão há spyware, adware nem vírus.
Para parar com isso, só removendo a extensão, já que não existe a opção para não aderir ao Superfish.

E mais, mesmo selecionando o Modo Básico nas Configurações Gerais da Extensão, ainda aparece na barra de status a comunicação com o site superfish.com.

Como é uma extensão bem útil, não vou desistalar. Pelo menos já sei do que se trata.

Aluno paga US$ 14 mil em notas de US$ 1

Em protesto contra os aumentos nos custos do estudo superior nos Estados Unidos, o estudante americano Nic Ramos pagou a sua anuidade de US$ 14 mil (equivalente a cerca de R$ 23,5 mil) na universidade do Colorado em notas de um dólar.

Com a sua mala de dinheiro, o universitário quis chamar a atenção do país para a dificuldade cada vez maior enfrentada por estudantes para pagar a sua educação.

Ele afirmou que ao entregar a mala de dinheiro, todos os funcionários ficaram ‘boquiabertos’ e ‘não acreditavam no que viam’.

image

A pilha de notas de US$ 1. (Foto: BBC)

 

‘Não ficaram exatamente zangados, mas nada satisfeitos (com a perspectiva de ter que contar a pilha de dólares).’

A universidade culpa o governo estadual pelos aumentos.

O representante da instituição Michael Carrigan diz que o orçamento da universidade não sobe há três anos e que, nos últimos anos, foram cortados US$ 50 milhões.

Para ele, o governo deveria aumentar o financiamento para educação, já que o Colorado é o penúltimo Estado americano no ranking de investimentos em educação superior.

Fonte: http://g1.globo.com/mundo/noticia/2011/01/aluno-paga-us-14-mil-em-notas-de-um.html

Aslan’s Meditations – Apresentação

Autora: Hannah Dokupil

Textos Bíblicos conforme Nova Tradução na Linguagem de Hoje

 

 

Esta é a primeira de uma série de onze meditações na passagem de 2 Pedro 1:5-8, onde se lê:

Por isso mesmo façam todo o [esforço] possível para juntar a bondade à fé que vocês têm. À bondade juntem o conhecimento e ao conhecimento, o domínio próprio. Ao domínio próprio juntem a perseverança e à perseverança, a devoção a Deus. A essa devoção juntem a amizade cristã e à amizade cristã juntem o amor. Pois são essas as qualidades que vocês precisam ter. Se vocês as tiverem e fizerem com que elas aumentem, serão cada vez mais ativos e produzirão muita coisa boa como resultado do conhecimento que vocês têm do nosso Senhor Jesus Cristo.

Para começar, vamos olhar para o verso como um todo. Durante as próximas 11 semanas, vamos analisar cada valor (esforço, fé, bondade, conhecimento, etc) e olhar para cada um, individualmente, como ele se aplica ao anterior, e o que significa para nós, pessoalmente.

Serão artigos menores que o normal, mais isso significa que podemos publicar toda semana. Eu (Hannah/Tru) conduzirei esta série. Se funcionar, continuaremos – se não, concluiremos a série e tentaremos outra. Obrigado pela paciência.

Para mim, este versículo sempre foi uma longa lista de coisas para fazer. Depois de adicionar a bondade, adicionamos o conhecimento. Depois que fizermos isso, você precisa começar a trabalhar o domínio próprio. E depois disso, a perseverança … e assim por diante, e se você fizer todas essas coisas, você estará preparado para a vida.

Não sei quanto a vocês, mas eu não acho que isso esteja certo.

Porque, veja, o texto começa com as palavras “por isso mesmo” . Portanto, a pergunta natural é … Por isso o que? Porque estamos fazendo tudo isso? Vamos voltar um pouco, e olhar este versículo no contexto. O livro de 2 Pedro começa assim:

“…escrevo esta carta a vocês que, por causa da bondade do nosso Deus e Salvador Jesus Cristo, receberam uma fé tão preciosa como a nossa. Que a graça e a paz estejam com vocês e aumentem cada vez mais, por meio do conhecimento que vocês têm de Deus e de Jesus, o nosso Senhor! O poder de Deus nos tem dado tudo o que precisamos para viver uma vida que agrada a ele, por meio do conhecimento que temos daquele que nos chamou para tomar parte na sua própria glória e bondade. Desse modo ele nos tem dado os maravilhosos e preciosos dons que prometeu. Ele fez isso para que, por meio desses dons, nós escapássemos da imoralidade que os maus desejos trouxeram a este mundo e pudéssemos tomar parte na sua natureza divina.”

image

Para mim, o texto está falando sobre como, à luz da Graça de Deus, vivemos vidas caracterizadas pela fé, bondade, conhecimento, etc. Algo sobre o qual estive pensando muito ultimamente é sobre viver à luz da graça de Deus pela fé. É fácil ter fé quando se está entusiasmado com alguma coisa, quando você se torna cristão, quando você está em alta espiritual e vivendo para Cristo … mas a fé se torna uma coisa totalmente diferente quando você está perdido, confuso, e sem saber o que Deus está fazendo em sua vida. Mesmo assim prosseguimos porque, pelo poder divino de Deus, recebemos tudo o que precisamos para viver uma vida que agrada a ele, por meio do conhecimento que temos daquele que nos chamou para tomar parte na sua própria glória e bondade, porque ele nos tem dado os maravilhosos e preciosos dons que prometeu.

Certa vez ouvi um ditado que diz: “não se esqueça, na escuridão, que você viu a luz” – e acho que esse versículo se aplica a isso. Por causa da maravilhosa graça, amor e promessas que o Pai Celestial nos concedeu, é assim, que vivemos.

Edmundo, após ser salvo por Aslan, sempre encontrou tentações da Feiticeira Branca – tanto em Príncipe Caspian, quanto em A Viagem do Peregrino da Alvorada. Mas em cada um, notamos que a maneira como ele lida com essas tentações é sempre à luz do que Aslan fez por ele. Ele lembra e aprende com seus erros e com o que Aslan lhe ensinou.

image

Nós muitas vezes pensamos (ou pelo menos, eu me pego pensando) que nós somos salvos pela graça e então nós temos que fazer nossos caminhos com boas obras para o resto da vida! Pelo contrário – somos salvos pela graça e vivemos diariamente pela graça, e é por essa razão que nós adicionamos à nossa fé muitas coisas – mas essas coisas nós só podemos obter através da fé em Cristo.

Espero que vocês se juntem a mim nesta jornada.

Fonte: http://www.aslanscountry.com/2011/01/aslans-meditations-add-all-that/

Nokia descontinua programa de música grátis em 27 países

A Nokia está encerrando em 27 países a oferta de pacote de aparelho celular com download gratuito de música. A oferta recebeu relativamente pouca resposta do público desde o lançamento, em 2008.

A Nokia vai continuar vendendo celulares com 12 meses de downloads de música na China, Índia e Indonésia e com 6 meses no Brasil, Turquia e África do Sul.

Todas as quatro principais gravadoras do mundo –Universal Music, EMI, Warner Music e Sony Music– participaram do serviço, que no início chegou a ser considerado como um importante desafio à loja on-line iTunes, da Apple.

A Nokia apresentou o serviço no final de 2008 na Inglaterra, mas não conseguiu apoio entre operadoras e também não atraiu muitos usuários.

Entre os motivos para o fraco desempenho estão uso de modelos de celulares mais antigos junto com a oferta no lançamento, software de proteção de direitos autorais (DRM) que impedia transferência de faixas entre aparelhos e dificuldade de entendimento da oferta pelos consumidores.

"Os mercados claramente querem um serviço de música sem mecanismos de proteção de direito autoral", disse um porta-voz da Nokia, acrescentando que a companhia continua a oferecer músicas livres de DRM por meio de sua loja on-line disponível em 38 países.

Usuários do serviço de música gratuita nos 27 países onde o produto foi descontinuado terão acesso a ele até o fim do período promocional.

Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/01/nokia-descontinua-programa-de-musica-gratis-em-27-paises.html

Justiça proíbe que UFRJ privilegie estudantes do RJ

A Justiça Federal no Rio de Janeiro determinou que a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) garanta o acesso às vagas destinadas através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) aos estudantes da rede pública do ensino médio de todo o território nacional.

Segundo o Ministério Público Federal (MFP), que propôs ação civil pública, restringir o acesso aos alunos de outros Estados fere o princípio constitucional da igualdade.

A decisão, da 14ª Vara Federal do Rio de Janeiro, prorrogou as inscrições, inicialmente do dia de 16 de janeiro até 18 do mesmo mês, para até o dia 20. A decisão determina também que a universidade deve dar ampla divulgação ao novo prazo. Por meio de sua assessoria, o Ministério da Educação (MEC) informou que já reverteu na Justiça a decisão que amplia o prazo de inscrições do Sisu.

De acordo com o MPF, a UFRJ é uma instituição federal de ensino superior, e como tal, é sustentada com recursos da União originados de tributos recolhidos de toda a população do País.

Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,justica-proibe-que-ufrj-privilegie-estudantes-do-rj,666932,0.htm

Ferramenta não roda jogos piratas, diz hacker que desbloqueou PS3

Após ser processado pela Sony por ter divulgado uma forma de desbloquear o PlayStation 3, o hacker George Hotz, conhecido como “Geohot”, concedeu uma entrevista ao programa “Attack of the Show”, do canal americano G4. Hotz afirmou que o seu software não permite rodar pirataria no console, apenas aplicativos caseiros criados pelos usuários (assista).

“Você ainda pode ir ao meu site e baixar, legalmente, a ferramenta para o seu PS3”, disse Hotz. “O aplicativo permite que você instale games ‘caseiros’”. A Sony, além de tentar restringir o acesso dos hackers aos consoles e impedir que trabalhem em programas não-oficiais, pede a prisão de todos os envolvidos no desbloqueio, incluindo Hotz.

“Na verdade, não”, respondeu Hotz sobre a questão se a ferramenta permite que usuários rodem jogos piratas no console. “A forma como a pirataria era feita anteriormente não funciona na minha ferramenta. Enquanto eu trabalhava no aplicativo, eu fiz um esforço especial para permitir que games caseiros funcionassem sem que coisas que eu não apoio rodassem, como a pirataria”.

O processo da Sony alega que a divulgação da “rootkey” do sistema feita por Hotz viola a Lei dos Direitos Autorais do Milênio Digital (DMCA, em inglês) e a Lei de Abuso e Fraude de Computadores, (tradução de Computer Fraud and Abuse Act), o que abriria o PlayStation 3 à pirataria.

Hotz não acredita que sua ferramenta quebrou qualquer norma de restrição. Ele disse ao programa de TV que está sentindo a “raiva” da equipe jurídica da Sony porque ele fez uma coisa errada: “deixar a Sony louca”, disse.

Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/01/ferramenta-nao-roda-jogos-piratas-diz-hacker-que-desbloqueou-ps3.html

Ovi Store disponibiliza programas pagos no Brasil

Ontem a noite a Nokia disponibilizou programas pagos na Loja Ovi.
A promessa era para o segundo semestre de 2010.
As compras podem ser realizadas através de cartão de crédito, mediante digitação da senha da conta Ovi.
Os dados de cartão podem ser salvos na conta Ovi para futuras compras, facilitando o processo.
Minha primeira compra foi o Mr. Recorder, por R$ 3,99
Os preços parecem bem acessíveis.

Nokia X6 como modem 3G

Esses dias todos com pacote de dados 3G no meu Oi, e só agora estou navegando a todo vapor.
O detalhe é que a configuração padrão do celular é para utilizar rede dupla, alterando de UMTS para GSM automaticamente.
Assim como acontece nos modens 3G, precisamos forçar o equipamento a utilizar somente 3G, sob pena de ser escolhido GSM por ter sinal mais forte. Era isso que vinha acontecendo no meu celular.

Após consultar o manual e perceber que meu celular nunca usava a rede 3G, fiz as configurações abaixo, resultando numa velocidade média de download igual a 30 Kb por segundo.

1º – Menu
2º – Configurações
3º – Conectividade
4º – Rede
5º – Modo de rede
6º – UMTS

E pronto.

Verde “combina” com azul?

Uma compilação de textos da web, em diferentes contextos, sobre o azul e o verde.

Combinar, no caso da decoração, é usado de uma forma imprecisa. Seria melhor pensar em harmonizar. Claro que você não precisa sair por aí falando “Será que isto vai harmonizar com aquilo?”
A questão é do conceito e não da palavra.

A harmonia é algo fácil de aplicar: pense em agrupar.
Por exemplo: um grupo de cores frias é um grupo de cores que se harmonizam entre si. O verde harmoniza com o azul, que harmoniza com o lilás etc.
Outro exemplo: um grupo de cores pastéis. Nesse caso você não precisa agrupá-las pela temperatura, mas sim pela intensidade, porque as cores pastéis são todas apagadas, então você pode agrupá-las pelo princípio que todas são claras, portanto vão harmonizar entre si.

Para que você não fique com mais dúvidas do que as que já tinha quando começou a ler esta postagem, vamos aos exemplos práticos:
– A paisagem de uma praia, com o céu azul, o mar turquesa e um coqueiro verde. Isso é um exemplo de harmonia de cores frias. Todo mundo gosta.
Fácil, não é? Mas a harmonia não acontece somente entre cores frias, ela também acontece entre cores quentes. Veja mais um exemplo prático:

clip_image001

Sol

– A paisagem de um pôr-de-sol, o céu explodindo em amarelo e laranja com o sol vermelho roubando todas as atenções no horizonte, também é uma harmonia de cores. E de novo todo mundo gosta. As cores quentes, ao contrário do que muitos pensam, também formam uma harmonia entre si. Muita gente as confunde com contraste, que é outra história…

Agora vamos para dentro da casa e ver o que acontece.
Imagine uma parede verde. Vai combinar com um tapete azul escuro? Se a intenção for harmonizar, a resposta é sim, pois são cores frias. Se você ouvir um “mas verde não combina com azul…” substitua por “mas eu não gosto de verde com azul…”.
Sim, a maioria das vezes é uma questão de gosto e não de harmonia.

Existem muitas maneiras de você fazer grupos e acabar de vez com a sua eterna dúvida do “será que vai combinar?”
E só uma questão de praticar, aprendendo a visualizar mentalmente e, o mais importante de tudo, ter segurança.
É válido pedir opinião, mas nunca deixe que decidam por você.

Fonte: http://decorandotudo.com.br/2008/10/ser-que-combina/

Verde e azul: use esta combinação tranquila em salas e quartos

Cor da natureza por excelência, o verde transmite esperança, alegria e fertilidade. Já o azul traz paz de espírito e tranquilidade. Com intensidades diferentes, as duas cores tingem paredes, acessórios, tapetes e móveis, provocando efeitos inspiradores. Para uma atmosfera vibrante, basta mesclá-los ao pink e ao laranja.

Fonte: http://casa.abril.com.br/materias/pintura/verde-azul-use-esta-combinacao-tranquila-salas-quartos-533420.shtml

Combinando cores – Técnicas e dicas rápidas

Combinações de cores são muito mais do apenas a junção de vermelho e azul ou amarelo e preto. São comunicações não-verbais. As cores têm simbolismo e significados que vão além de luz e pigmentos. Como designer é imprescindível entender como os olhos e a mente percebem certas cores e os significados associados a cada uma delas.

É fundamental entender que a cor está muito além de beleza e harmonia, algumas vezes elas são capazes de despertar reações físicas, o vermelho, por exemplo, acredita-se ter a capacidade de elevar a pressão arterial, outras vezes a reação é cultural como é o caso do branco que no ocidente é usado em casamentos e em algumas culturas Orientais é a cor para enterros.

Além disso também existem as tendências. O verde-abacate e suas variações é sinônimo das décadas de 60s e 70s nas mentes de alguns consumidores.

Outra coisa que ajuda muito quem trabalha com mistura das cores em qualquer área é saber definir o que são cores adjacentes ou complementares.

Cores adjacentes

São as cores vizinhas no disco cromático como laranja e amarelo ou azul e violeta. Essa combinação acontece porque a cor secundária situada ao lado da cor primária tem uma pequena quantidade da sua cor vizinha (amarelo + vermelho= laranja. O laranja é a cor secundária e contém uma parte da cor primaria amarela em sua composição, por isso elas combinam).

Cores Complementáres

São as cores opostas no disco ou separadas por uma outra cor e também são chamadas de cores contrastantes. Quando mais distante uma da outra, mais contraste ela apresenta. Por exemplo: Azul e laranja são contrastantes, mas Azul e Amarelo tem um contraste ainda maior.

Algumas combinações de cores:

Calmantes

Cores calmantes são normalmente cores frias, elas tendem a ter um efeito tranqüilo e suave. Por um lado são cores impessoais por outro confortam e nutrem. Azul, verde, branco e cinza são bons exemplos de cores calmantes.

clip_image002www.refreshjacksonville.org: Na natureza o azul representa a água, o verde a vida das plantas. Combine azuis e verdes para uma paleta de cor com toque natural e aspectos aquoso que remetem a qualidade de vida (ja falei sobre isso aqui: o nome certo é techno nature).

clip_image003www.roadshowadvertising.com: Você pode aquecer uma paleta de cores fria com o acréscimo de uma cor quente, como vermelho ou laranja. Se quiser aquecer uma paleta fria sem fugir dos tons de azul, utilize um tom mais intenso com um toque de vermelho (mas não violeta nem escuro demais)

Cores frias tem um destaque menor do que as cores quentes e se você acrescenta uma cor quente tem que lembrar que ela tende a atrair toda a atenção, por isso muito cuidado, principalmente se optar pelo vermelho.

Empolgantes

clip_image004São cores quentes que aparentam movimento. O calor do vermelho, do amarelo ou do laranja podem podem transmitir alegria, juventude ou até mesmo raiva. Cores quentes trazem sentimentos que vão do otimismo à violência.

Na natureza as cores quentes representam mudanças, mudar de estações ou a erupção de um vulcão.

clip_image005Um toque de cor fria pode ajudar a reduzir a intensidade das emoções de uma paleta de cores quentes, e uma cor quente num tom mais claro como um rosa, um amarelo ou um pêssego, por exemplo, pode empalidecer.

clip_image006Cores quentes sempre são percebidas mais rapidamente do que as cores frias e parecem ocupar uma porcentagem maior da peça ainda que usado em áreas de tamanho igual. O vermelho normalmente vai parecer dominar um espaço maior que o azul, por exemplo, mesmo se usado em quantidades iguais. Cores quentes parecem sempre aproximar-se enquanto as cores frias parecem mais distantes do que são realmente.

Variáveis

clip_image007São cores que possuem atributos de ambas as cores: quentes e frias, elas podem acalmar ou animar de acordo com o contexto e as combinações onde são utilizadas. São normalmente derivadas da mistura de uma cor quente e uma cor fria como o Violeta (Azul + vermelho) ou o Verde (azul + amarelo)

clip_image008Uma mistura de azul e vermelho criam tanto fundos de violeta intenso quanto tons de lavanda com a capacidade de empalidecer. Sombras de verde com um toque turquesa ou chá podem aquecer (se a base mais forte for o amarelo) ou esfriar se for o azul. Alguns tons de creme e bege evocam ao mesmo tempo frio e calor.

Unificadoras

Cores como preto, branco, cinza, e marrom são perfeitas para fundos, servem para unificar paletas de diversas cores, e também são freqüentemente (e muito bem) usadas como cor base de um projeto. Cores neutras ajudam a dar foco em outras cores ou moderar aquelas que contrariamente dominam. Até certo ponto, o preto, o dourado, o bronze e alguns tons de beges são consideradas quente. Enquanto branco, marfim, prata, e cinza são cores frias. Mas estes atributos quentes e frios são flexíveis e mais sutis do que nos casos de azuis e vermelho, por exemplo.

Fonte: http://www.danielevsilva.com.br/combinando-cores/

Verde & azul combinam perfeitamente. Podem usar

Posted by Aninha Camelo on maio 31st, 2010

clip_image009

Mimoso

clip_image010

Detalhe dos sapatos

Eu sempre amei azul com verde. É uma bela combinação. Veja a prova do que eu tô falando nos cliques do thesfstyle.com, que sugerem um conjuntinho bem comportado, com sainha justa e abertura na parte de trás, com blusa de mangas três-quartos. O chapéu de palhinha ficou bárbaro, bem como os pisantes, que seguem as mesmas tonalidades.

Fonte: http://www.aninhacamelo.com.br/_/?p=12799

Sobre educação dos filhos

Atribuído a Içami Tiba

1. A educação não pode ser delegada à escola. Aluno é transitório. Filho é para sempre.

2. O quarto não é lugar para fazer criança cumprir castigo. Não se pode castigar com internet, som, tv, etc…

3. Educar significa punir as condutas derivadas de um comportamento errôneo. Queimou índio pataxó, a pena (condenação judicial) deve ser passar o dia todo em hospital de queimados.

4. É preciso confrontar o que o filho conta com a verdade real. Se falar que professor o xingou, tem que ir até a escola e ouvir o outro lado, além das testemunhas.

5. Informação é diferente de conhecimento. O ato de conhecer vem após o ato de ser informado de alguma coisa. Não são todos que conhecem. Conhecer camisinha e não usar significa que não se tem o conhecimento da prevenção que a camisinha proporciona.

6. A autoridade deve ser compartilhada entre os pais. Ambos devem mandar. Não podem sucumbir aos desejos da criança. Criança não quer comer? A mãe não pode alimentá-la. A criança deve aguardar até a próxima refeição que a família fará. A criança não pode alterar as regras da casa. A mãe NÃO PODE interferir nas regras ditadas pelo pai (e nas punições também) e vice-versa. Se o pai determinar que não haverá um passeio, a mãe não pode interferir. Tem que respeitar sob pena de criar um delinquente.

7. Em casa que tem comida, criança não morre de fome . Se ela quiser comer, saberá a hora. E é o adulto quem tem que dizer QUAL É A HORA de se comer e o que comer.

8. A criança deve ser capaz de explicar aos pais a matéria que estudou e na qual será testada. Não pode simplesmente repetir, decorado. Tem que entender.

9. É preciso transmitir aos filhos a ideia de que temos de produzir o máximo que podemos. Isto porque na vida não podemos aceitar a média exigida pelo colégio: não podemos dar 70% de nós, ou seja, não podemos tirar 7,0.

10. As drogas e a gravidez indesejada estão em alta porque os adolescentes estão em busca de prazer. E o prazer é inconsequente.

11. A gravidez é um sucesso biológico e um fracasso sob o ponto de vista sexual.

12. Maconha não produz efeito só quando é utilizada. Quem está são, mas é dependente, agride a mãe para poder sair de casa, para fazer uso da droga . A mãe deve, então, virar as costas e não aceitar as agressões. Não pode ficar discutindo e tentando dissuadi-lo da idéia. Tem que dizer que não conversará com ele e pronto. Deve ‘abandoná-lo’.

13. A mãe é incompetente para ‘abandonar’ o filho. Se soubesse fazê-lo, o filho a respeitaria. Como sabe que a mãe está sempre ali, não a respeita.

14. Se o pai ficar nervoso porque o filho aprontou alguma coisa, não deve alterar a voz. Deve dizer que está nervoso e, por isso, não quer discussão até ficar calmo. A calmaria, deve o pai dizer, virá em 2, 3, 4 dias. Enquanto isso, o videogame, as saídas, a balada, ficarão suspensas, até ele se acalmar e aplicar o devido castigo.

15. Se o filho não aprendeu ganhando, tem que aprender perdendo.

16. Não pode prometer presente pelo sucesso que é sua obrigação. Tirar nota boa é obrigação. Não xingar avós é obrigação. Ser polido é obrigação. Passar no vestibular é obrigação. Se ganhou o carro após o vestibular, ele o perderá se for mal na faculdade.

17. Quem educa filho é pai e mãe. Avós não podem interferir na educação do neto, de maneira alguma. Jamais. Não é cabível palpite. Nunca.

18. Muitas são desequilibradas ou mesmo loucas. Devem ser tratadas. (palavras dele).

19. Se a mãe engolir sapos do filho, ele pensará que a sociedade terá que engolir também.

20. Videogames são um perigo: os pais têm que explicar como é a realidade, mostrar que na vida real não existem ‘vidas’, e sim uma única vida. Não dá para morrer e reencarnar. Não dá para apostar tudo, apertar o botão e zerar a dívida.

21. Professor tem que ser líder. Inspirar liderança. Não pode apenas bater cartão.

22. Pais e mães não pode se valer do filho por uma inabilidade que eles tenham. ‘Filho, digite isso aqui pra mim porque não sei lidar com o computador’. Pais têm que saber usar o Skype, pois no mundo em que a ligação é gratuita pelo Skype, é inconcebível pagarem para falar com o filho que mora longe.

23. O erro mais frequente na educação do filho é colocá-lo no topo da casa. O filho não pode ser a razão de viver de um casal. O filho é um dos elementos. O casal tem que deixá-lo, no máximo, no mesmo nível que eles. A sociedade pagará o preço quando alguém é educado achando-se o centro do universo.

24. Filhos drogados são aqueles que sempre estiveram no topo da família.

25. Cair na conversa do filho é criar um marginal. Filho não pode dar palpite em coisa de adulto. Se ele quiser opinar sobre qual deve ser a geladeira, terá que mostrar qual é o consumo (KWh) da que ele indicar. Se quiser dizer como deve ser a nova casa, tem que dizer quanto isso (seus supostos luxos) incrementará o gasto final.

26. Dinheiro ‘a rodo’ para o filho é prejudicial. Mesmo que os pais o tenham, precisam controlar e ensinar a gastar.

 

Frase: "A mãe (ou o pai!) que leva o filho para a igreja, não vai buscá-lo na cadeia…"

   
"O dever de cada um não é apenas amar os outros.
É, sobretudo tornar-se digno de ser amado por todos."
Benedito Carlos G. Salgueiro