JotaPêAh!

Remover aspas em VBA

Replace(A, Chr(34), B),
onde
A = texto onde as aspas aparecem
B = o que será colocado no lugar das aspas
Chr(34) = Código referente às aspas

Anúncios
Deixe um comentário »

Converter texto para número e inserindo fórmulas pelo vba

Selecionar o Range e executar o código a seguir.

Public Sub Altera()
Dim rngCelula As Range
For Each rngCelula In Selection
rngCelula.FormulaLocal = rngCelula.Value
Next rngCelula
End Sub

Para inserir fórmulas:
Range(“B2”).Formula = “=[depreciação.xlsx]home!$A$2”

Deixe um comentário »

Minha realidade aumentada

http://www.ezflar.com/gen/71693

Deixe um comentário »

Dilma e Serra lembram escândalos e se acusam de mentir em debate

O debate da TV Record com os presidenciáveis, Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB), foi marcado pela denúncias de corrupção que envolveram entigos assessores da ex-ministra da Casa Civil e do ex-governador de São Paulo. Em outro momento do encontro, a petista acusou o tucano de agredi-la pessoalmente e de mentir. O segundo colocado nas pesquisas disse que a rival é uma "profissional nessa arte [dizer inverdades]". O evento desta segunda-feira (25) é o penúltimo da disputa.

Os candidatos centraram seus comentários mais duros, logo no primeiro bloco, na ex-ministra Erenice Guerra e em Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto,que trabalhou na Dersa, a empresa de estradas paulista.

Erenice é acusada de ter feito tráfico de influência na Casa Civil e de ter admitido seu filho, Israel, e amigos dele na pasta. O ex-diretor da Dersa é suspeito de ter arrecadado ilegalmente R$ 4 milhões que seriam destinados a campanhas tucanas. Ambos os personagens apareceram nos programas de Dilma e de Serra no horário eleitoral obrigatório.

Atrás nas pesquisas, Serra trouxe para o debate as acusações de tráfico de influência na Casa Civil durante o período em que Erenice, ex-assessora de Dilma, esteve à frente da pasta. Para o tucano, a adversária levanta acusações contra ele para que os eleitores tenham a impressão de que os candidatos são iguais. “Foi ela que teve como braço direito uma mulher que montou um esquema amplo de corrupção”, disse.

Dilma respondeu lembrando que Erenice deu depoimento à Polícia Federal poucas horas atrás. “E que dizer do Paulo Preto que não depõe?”, questionou ela, citando o ex-diretor da empresa de estradas paulistas, a Dersa. “O candidato Serra quando está pressionado, usa essa história de trololó. [Paulo Preto] é braço direito, esquerdo e se duvidar é a cabeça também”, disse a líder nas pesquisas.

“Logo que ele chegou na Dersa, mudou os termos de um contrato. A parte sul do Rodoanel de São Paulo teve três vigas que caíram e um dos motivos levantados é material de baixa qualidade”, afirmou ela. “Nunca viga cair e ser um exemplo de gestão primorosa do candidato Serra”, disse, em referência a um incidente ocorrido na obra que foi vitrine do tucano no governo de São Paulo.

Serra chamou as acusações de Dilma de “rosário de mentiras”. “Vocês inventaram uma coisa de que teria havido uma contribuição para a campanha que eu não teria recebido e que ele teria recebido. Ele está citado numa operação que a Policia Federal fez e está investigando. Quem tem de investigar é a Polícia Federal”, disse o tucano. “A Dilma está enrolada nessa história toda e aí fica procurando pretexto para atacar os outros.”

Agressão pessoal e mentira

No segundo bloco do debate, Dilma acusou o adversário de agredi-la pessoalmente. A petista fez o comentário após Serra dizer que ela era uma “profissional nessa arte [de mentir]”. “O nível de agressão pessoal é muito alto por parte do candidato”, disse Dilma.

O novo embate ocorreu enquanto os candidatos discutiam a Petrobras. Dilma afirmou que Serra, durante o governo Fernando Henrique Cardoso, pretendia mudar o nome da empresa para Petrobrax e privatiza-la. “Ela inventa, fabula porque não tem como me atingir na administração pública”, afirmou o segundo colocado nas pesquisas.

Logo no início do bloco, Serra disse que não entendia como Dilma podia acusá-lo de ser privatista enquanto a própria candidata havia entregado a “exploração do petróleo para 108 empresas privadas”. A petista se defendeu dizendo que as regras eram diferentes antes da descoberta do pré-sal.

“Tínhamos uma regra que o senhor Serra e o senhor FHC haviam criado que valia para o petróleo de baixa qualidade”, disse. E completou: “Quando descobrimos esse bilhete premiado [o pré-sal] nós mudamos as regras”. Segundo Dilma, Serra tenta “fazer essa confusão entre o petróleo que existia antes e o pré-sal" para "deliberadamente esconder a realidade”.

Fonte: http://eleicoes.uol.com.br/2010/ultimas-noticias/2010/10/25/dilma-e-serra-lembram-escandalos-e-se-acusam-de-mentir-em-debate.jhtm

Deixe um comentário »

Edmundo ou Eustáquio: qual o pior erro?

Após ter sido curado por Aslam, Eustáquio se encontrou primeiramente com Edmundo e lhe contou o ocorrido. O encontro dos dois personagens foi proposital para Lewis, os dois garotos tinham histórias parecidas, tiveram suas vidas transformadas em Nárnia e era importante que naquele momento só quem realmente experimentou da redenção de Aslam poderia compreender o outro.

Eustáquio estava constrangido pelo que tinha feito anteriormente e pediu desculpas a Edmundo, mas ele lhe respondeu:

— Não tem a menor importância. Cá entre nós, você foi menos chato do que eu na minha primeira viagem a Nárnia. Você apenas foi um pouco boboca, mas eu banquei o traidor.

Estamos então diante de dois personagens de temperamento difícil, que deram trabalho aos outros e levaram um belo susto – o diálogo do traidor com o boboca. Se passaram, de certa forma, como vilões da história… MAS, o que muda tudo, é que tiveram sua história transformada.

Não podemos julgá-los de forma alguma pelos seus atos. A história deles teve começo, meio e fim. Por sorte o fim de um não foi morrer na Mesa de Pedra e o do outro não foi morrer como um dragão guardião de um tesouro.

Para Nárnia e para Aslam, não importa o que fizemos, mas o que somos hoje. Cada um precisou aprender de uma forma, alguns deram mais trabalho, outros já aprenderam facilmente, como foi com Lúcia. O importante é que Aslam está no controle, mesmo quando enfeitiçados por ilhas mágicas ou pelos nossos próprios equívocos, ele sempre nos socorre.

O pior erro não existe, existe sim o grande acerto! E depois de tudo o que passou, Eustáquio acertou muito, tenha a certeza.

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada. E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Fonte: http://www.mundonarnia.com/portal/edmundo-ou-eustaquio-qual-o-pior-erro.html

Deixe um comentário »

Eustáquio: a conversão de um perseguidor

A trajetória de Eustáquio em A Viagem do Peregrino da Alvorada é muito parecida com a da figura bíblica de Paulo de Tarso. Ambos tinham o temperamento forte, perseguiam os que tinham uma fé diferente, o destino lhes deu um susto e acabaram por se tornar defensores daquilo que antes condenavam.

Paulo era um judeu culto, ligado ao grupo dos fariseus – que seguiam rigorosamente as tradições de sua religião e perseguiam um grupo novo que estava surgindo: os cristãos. Em uma dessas missões de perseguição aos cristãos, em Damasco, Jesus apareceu a ele numa luz e lhe disse: “Saulo, Saulo, por que me persegues?” (Atos dos Apóstolos 9,1-22). Ele caiu do cavalo, ficou cego e precisou ficar uns dias na cidade até ser socorrido por um dos cristãos que o curou milagrosamente da cegueira. A história bíblica conta que no momento da cura saíram “escamas” de seus olhos. Depois disso, Paulo foi batizado e tornou-se um dos principais propagadores do Cristianismo, levando até o título de apóstolo (o único apóstolo que não conheceu Jesus “pessoalmente”).

Eustáquio era um pseudo-intelectual, gostava de ler livros instrutivos, mas queria mesmo era ver os animais mortos, espetados como peças de coleção. Seu prazer era perseguir os primos, principalmente porque detestava a tal “fé” que tinham em um mundo chamado Nárnia. Coitado! Acabou indo parar em Nárnia com eles e teve dias difíceis em alto-mar – até foi preso como escravo. Mesmo assim, isso não bastou para que melhorasse seu comportamento, permaneceu hostil até o fim, revoltado e fazendo questão de demonstrar seu ódio. Foi em uma das ilhas que o garoto recebeu a lição de sua vida, ao escapar de ajudar o grupo para dormir escondido, ele encontrou um tesouro, quis roubá-lo e transformou-se em um dragão. Quando se arrependeu de tudo o que fez, Aslam lhe socorreu e lhe tirou da condição de dragão, arrancando-lhe com as garras as escamas e o lavando com a água de um poço. Eustáquio mudou radicalmente de comportamento, tornou-se um verdadeiro Filho de Adão e foi herói na história de A Cadeira de Prata, mesmo não chegando a ser oficialmente um rei de Nárnia.

Essas duas histórias nos mostram o caminho de transformação para a vida de muitos – de perseguidor a defensor, de arrogante a misericordioso.  Passa-se pelo extremo do ódio, para o susto e depois a mudança.

Todos nós não nascemos perfeitos, sempre existe algo a ser melhorado – convertido. Alguns precisam passar pela dor de ter de tirar as escamas, outros já descobrem a mudança com mais facilidade e nem chegam a sofrer ou ter de “cair do cavalo”. Independente de como for o seu processo, o importante é chegar ao objetivo de melhorar a cada dia.

E que Aslam nos socorra no momento certo!

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada. E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Fonte: http://www.mundonarnia.com/portal/eustaquio-a-conversao-de-um-perseguidor.html

Deixe um comentário »

Duas imagens de VPA em propaganda

O site japonês da Mitsubshi publicou duas pequenas imagens de Peregrino em uma propaganda de televisões com tecnologia 3D. Uma imagem é do Aslam e uma outra é do navio-título. Além disso, o site também postou um comercial da tal televisão 3D e algumas cenas do filme são mostradas – incluindo o Aslam saindo da tela de um jeito que dá vontade de apertá-lo e o Ripchip pirlimpinpando por toda parte.

VDT01    VDT02     aslam3d

 
Fonte: http://www.mundonarnia.com/portal/duas-imagens-de-vpa-em-propaganda.html
Deixe um comentário »

Alerta sobre a existência de dragões fora de Nárnia

Cuidado: criaturas que cospem fogo não existem somente em Nárnia! Antes mesmo que Eustáquio tivesse se dado mal na Ilha do Dragão, o garoto já manifestava sintomas de “dragonisse”.

O malévolo primo era tão maldoso que sentia prazer em caçoar dos primos, fazia questão em irritá-los em seu período de hospedagem obrigatória em sua casa, os atacava com arrogância e palavras, em sua maioria, tão ofensivas e amargas que lhe saiam como chamas procurando algo a consumir.

Ser transformado em um dragão, para Eustáquio, não foi a grande novidade. Ao ver pelo reflexo o monstro que ele era, o maior choque foi perceber que já havia uma fera lá há mais tempo. Ele viu que sua forma de encarar a vida estava o deformando. E Aslam somente o curou depois dele passar dias na ilha reconhecendo os seus erros.

A lição de hoje: feche a boca e abra os olhos! Deixe esse fogo destruidor que sai de sua boca ser apagado. Não queime as pessoas ao seu redor com sua amargura. Se você está revoltado com algo, procure entender interiormente o que se passa antes de descontar nos outros. Aprenda a domesticar essa fera!

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada. E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Deixe um comentário »

Letra de Música: Oito Anos

Composição: Dunga / Paula Toller

Por que você é flamengo
E meu pai botafogo?
O que significa
"impávido colosso"?

Por que os ossos doem
Enquanto a gente dorme?
Por que os dentes caem?
Por onde os filhos saem?

Por que os dedos murcham
Quando estou no banho?
Por que as ruas enchem
Quando está chovendo?

Quanto é mil trilhões
Vezes infinito?
Quem é Jesus Cristo?
Onde estão meus primos?

Well, well, well
Gabriel…
Well, Well, Well, Well…

Por que o fogo queima?
Por que a lua é branca?
Por que a terra roda?
Por que deitar agora?

Por que as cobras matam?
Por que o vidro embaça?
Por que você se pinta?
Por que o tempo passa?

Por que que a gente espirra?
Por que as unhas crescem?
Por que o sangue corre?
Por que que a gente morre?

Do que é feita a nuvem?
Do que é feita a neve?
Como é que se escreve
Re…vèi…llon

Well, Well, Well
Gabriel…(4x)

Deixe um comentário »

Letra de Música: Ciranda da Bailarina

Composição: Edu Lobo / Chico Buarque

Procurando bem
Todo mundo tem pereba
Marca de bexiga ou vacina
E tem piriri, tem lombriga,
tem ameba
Só a bailarina que não tem
E não tem coceira
Verruga nem frieira
Nem falta de maneira ela não tem
Futucando bem
Todo mundo tem piolho
Ou tem cheiro de creolina
Todo mundo tem
um irmão meio zarolho
Só a bailarina que não tem
Nem unha encardida
Nem dente com comida
Nem casca de ferida ela não tem
Não livra ninguém
Todo mundo tem remela
Quando acorda às seis da matina
Teve escarlatina
ou tem febre amarela
Só a bailarina que não tem
Medo de subir, gente
Medo de cair, gente
Medo de vertigem
Quem não tem
Confessando bem
Todo mundo faz pecado
Logo assim que a missa termina
Todo mundo tem
um primeiro namorado
Só a bailarina que não tem
Sujo atrás da orelha
Bigode de groselha
Calcinha um pouco velha
Ela não tem
O padre também
Pode até ficar vermelho
Se o vento levanta a batina
Reparando bem,
todo mundo tem pentelho
Só a bailarina que não tem
Sala sem mobília
Goteira na vasilha
Problema na família
Quem não tem
Procurando bem
Todo mundo tem

Deixe um comentário »

Serra ganha direito de resposta em programa de Dilma Rousseff

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concedeu, na noite desta terça-feira (19) o primeiro direito de resposta no segundo turno das eleições presidenciais. José Serra (PSDB) ganhou o direito de veicular uma resposta no programa de televisão da adversária, a candidata do PT, Dilma Rousseff. O tucano ganhou 1 minuto para rebater as acusações sobre a privatização da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), e de número de privatizações de empresas públicas no estado de São Paulo.

Em outro processo, pelo mesmo motivo e pelos mesmos argumentos, o tribunal concedeu à coligação de Serra direito de resposta de um minuto na propaganda de rádio da coligação de Dilma.

Com as decisões, a resposta concedida a Serra, com duração de 1 minuto, será veiculada uma vez no rádio e duas na televisão. A coligação pode ingressar com embargos de declaração junto ao tribunal, mas eles não têm o poder de alterar a decisão. As mídias com as resposta a serem veiculadas precisam ser apresentadas em até 36 horas.

Os advogados de Serra argumentam que a propaganda “não se ateve a fatos reais e públicos quando disse não ter havido nenhum grande programa habitacional e de distribuição de renda no governo Fernando Henrique Cardoso”. A coligação também questionou o fato de o programa da petista ter afirmado que, durante o governo FHC, “José Serra teria contribuído para privatizar 31 empresas públicas paulistas e coordenado a privatização da CSN”. O presidenciável foi ministro do Planejamento e da Saúde no governo de Fernando Henrique.

Relator do processo, o ministro Joelson Dias destacou em seu voto que é fato que a CSN foi privatizada em 1993, durante o governo Itamar Franco, portanto, antes do governo Fernando Henrique Cardoso e de José Serra ser um de seus ministros. O relator também concedeu direito de resposta para que a coligação de José Serra rebata a afirmação da coligação adversária de que 31 empresas públicas foram privatizadas em São Paulo, durante o governo FHC. A defesa de José Serra afirma que foram nove empresas.

“Defiro o direito de resposta neste ponto porque não se pode levar a extremos tão desarrazoados ”, afirmou o ministro Joelson Dias em seu voto.

Os ministros Marco Aurélio e Dias Toffoli divergiram do voto do relator. O ministro Marco Aurélio votou também por estender o direito de resposta à afirmação da propaganda de que no governo Fernando Henrique Cardoso não teria havido programas habitacional e de distribuição de renda. Já o ministro Dias Toffoli se manifestou por conceder o direito de resposta apenas na parte em que a propaganda afirmou ter José Serra conduzido o processo de privatização da CSN.

Fonte: http://g1.globo.com/especiais/eleicoes-2010/noticia/2010/10/serra-ganha-direito-de-resposta-em-programa-de-dilma-rousseff.html

Deixe um comentário »

Badega

adj. Bras. chul.
Muito grande: laranjas badegas; pratos badegas.

Fonte: http://www.dicio.com.br/badega/

Deixe um comentário »

Curiosidade matou o gato / transformou o preguiçoso em dragão

Eustáquio quis bancar o espertinho se escondendo na ilha para descansar enquanto o restante da tripulação do Peregrino trabalhava. De esperto, saiu de bobo! Ele foi longe o suficiente para não ser visto, mas não conseguiu ficar por aquilo mesmo, a curiosidade o fez ir mais longe e se perder no meio da ilha desconhecida. Lá encontrou um dragão morrendo e depois um tesouro. Tentou pegar o que podia, mesmo sem saber se realmente era um tesouro abandonado, e caiu no sono. Quando acordou, o garoto havia sido transformado em um dragão.

“Curiosidade matou o gato” – esse ditado popular pode ser adaptado para Eustáquio como “curiosidade transformou o preguiçoso em dragão”. Não bastasse a preguiça, o garoto deixou-se corromper pela curiosidade.

Ser curioso pode ser virtude ou pecado, dependendo da situação. Na maioria das vezes faz mal a quem fica “curiando” por aí, especialmente aonde não conhece.

A lição dele precisa chegar a nós como um aviso: cuidado com o excesso de curiosidade! Nada de ficar se metendo em ambientes estranhos. A maioria dos exemplos por aí confirmam o quanto é perigoso.

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada.

E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Não se esqueça de divulgar esta mensagem aos seus amigos no Twitter, Facebook e Orkut.

Visite MundoNarnia.com em: http://meu.mundonarnia.com/?xg_source=msg_mes_network

Deixe um comentário »

Dragões em Nárnia

Em uma das ilhas de A Viagem do Peregrino da Alvorada, o garoto Eustáquio encontra-se com um dragão morrendo e descobre um tesouro, provavelmente guardado pela criatura. Ele cai no sono e acorda transformado em um dragão. Somente com a ajuda de Aslam consegue voltar ao normal. Depois da aventura, os tripulantes do Peregrino da Alvorada consideram que o outro dragão, que não se sabia o motivo de sua morte, era o Lorde Octasiano.

O dragão é uma criatura presente nas mais diversas mitologias e até existem animais de verdade bem próximos à sua descrição, por exemplo o dragão-de-komodo. São descritos como um tipo de serpente de grande porte, com asas e outros atributos. O nome é de origem grega, drákon, que deriva do verbo derkomai, que significa “olhar” — por causa de seu papel na mitologia grega de vigiar tesouros. Aparece em lendas como a do herói Cadmo, com o dragão adormecido por Medeia para que Jasão pudesse roubar o tosão de ouro, e na história de Ládom, com o dragão de cem cabeças no Jardim das Hespérides que guardava os pomos de ouro.

A figura do dragão como guardião de um tesouro também faz parte da mitologia germânica e é encontrado na lenda de Beowulf. O poema épico conta que, cinquenta anos após a coroação dele como rei, um de seus servos rouba uma taça de um tesouro guardado por um dragão e a criatura ataca o reino. Beowulf e Wiglaf conseguem vencê-la, mas o rei acaba morrendo devido à gravidade das feridas do confronto.

Tolkien, amigo de Lewis, também se inspirou em dragões e tesouros para criar a história de O Hobbit, na qual Bilbo Bolseiro parte com seus amigos para recuperar o tesouro roubado pelo dragão Smaug.
Lendas sobre tesouros amaldiçoados são contadas desde os tempos dos faraós, sobre a invasão das tumbas sagradas. Na mitologia germânica, a mais famosa é a lenda dos Nibelungos, que conta a dramática história de uma família possuidora de um tesouro e um anel amaldiçoados. Essa lenda inspirou um ciclo de óperas épicas de Richard Wagner.

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada. E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Visite MundoNarnia.com em: http://meu.mundonarnia.com/?xg_source=msg_mes_network

Deixe um comentário »

CRÍTICA: ‘A cura’ merece continuar

A primeira temporada de “A cura” chegou ao fim deixando a sensação de que apenas nove episódios foi pouco para um projeto tão ambicioso e bem-sucedido. O programa de João Emanuel Carneiro e Marcos Bernstein se apropriou de um formato americano — o de seriado semanal — e construiu uma história totalmente brasileira, com elementos como o curandeirismo, a crendice popular, a mineiridade etc. Os autores se arriscaram nestes temas sem cair no realismo fantástico, ou sequer flertar com o absurdo. Criaram uma história crível do começo ao fim. Nada no roteiro acabou na conta da licença poética.

Como já tinha mostrado em “A favorita”, João Emanuel não aposta no espectador distraído, ou complacente. Ele escreve para os exigentes, para os atentos que não se deixam enganar por uma trama apenas mais ou menos. Ricardo Waddington fez uma direção seca, evitando os efeitos especiais, e confiando na história acima de tudo. Quando escolheu gravar com uma parte do elenco de diamantinenses não era gênero: “A cura” refletiu as cores, a atmosfera, o ambiente moral, o jeito de caminhar local etc. O seriado teve personalidade. A escalação e a direção do elenco foram outros acertos. Todos os atores estiveram bem, sem exceção, de Selton Melo a Carmo Dalla Vecchia, passando por Juca de Oliveira, Ana Rosa, Nívea Maria, Ary Fontoura, Andreia Horta e Caco Ciocler.

Fechado com uma chave de ouro, mas uma chave capaz de abrir uma porta para toda uma trama nova, o programa foi um dos melhores no gênero — se não o melhor — já produzido pela TV aberta brasileira. E não mereceria morrer numa única temporada.

Fonte: http://oglobo.globo.com/cultura/kogut/posts/2010/10/17/critica-cura-merece-continuar-332337.asp

Deixe um comentário »

Nárnia: o mundo e o país

Nárnia é o nome tanto de um mundo quanto o de um país pertencente a esse mundo.

O mundo de Nárnia é paralelo ao nosso e pode ser acessado de qualquer lugar ou momento, de maneira imprevisível. Ele tem formato plano, o céu é uma grande cúpula e é banhado por um oceano, que segue até a borda desse mundo, no País de Aslam.

Nárnia também é o nome do principal país desse mundo, seu território vai do Ermo do Lampião, onde Lúcia encontrou-se com o Sr. Tumnus (em O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa), até o Palácio de Cair Paravel, na Foz do Grande Rio, onde foram coroados como reis os irmãos Pevensie.

Ao norte de Nárnia, do outro lado do Rio Ruidoso, existe uma região habitada por gigantes. Antes havia uma cidade, mas foi destruída, permanecendo apenas o Castelo de Harfang. Ao sul de Nárnia está localizada a Arquelândia, um país irmão cujos habitantes são descendentes do primeiro rei de Nárnia, o Rei Franco. Logo abaixo, separada por um imenso deserto, fica a Calormânia. Sua capital, Tashbaan, é instalada em uma ilha no litoral. A população deste país possui características próximas aos povos árabes. Existe também, abaixo de Nárnia, um grupo de cavernas que compõem o Reino Profundo e, mais abaixo, um país chamado Bismo.

No oceano do mundo de Nárnia existem diversas ilhas que foram descobertas por Caspian X na viagem com o navio Peregrino da Alvorada. Ao chegar ao extremo, a água do mar torna-se doce e depois um tapete de lírios, até chegar ao País de Aslam, que é uma referência ao Céu — destino final do homem, segundo a fé de Lewis.

(Trecho do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada)

Fonte: http://www.mundonarnia.com/portal/narnia-o-mundo-e-o-pais.html

Deixe um comentário »

Jingle Serra Presidente: Serra é do bem

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!

Serra faz bem pra saúde
não tem contra-indicação
já fez bem pra muita gente
com a cabeça boa e bom coração

Serra já passou no teste
é sincero e competente (Serra!)
Vida livre, transparente.

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!

Serra do seguro-desempregro
do genérico, o remédio mais barato
sempre presente, trabalha de fato
Serra tem firmeza no que faz
Todo o Brasil já conhece bem
Tanta coisa boa ele já fez
Serra é do bem ! Serra é do bem!

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!

Quando se conhece bem uma pessoa
logo se sabe se é gente boa
Com Serra essa certeza a gente tem
Serra é do bem! Serra é do bem!
Serra é do bem! Serra é do bem!
Serra é do bem! Serra é do bem!

Deixe um comentário »

Johnny Depp visita escola como Jack Sparrow e surpreende aluna

Johnny Depp deixou de lado as filmagens de “Piratas do Caribe 4” por uma tarde para fazer uma surpresa em uma escola primária de Londres. Vestido como o famoso pirata Jack Sparrow – personagem protagonista da franquia -, o galã visitou o local e causou alvoroço entres os estudantes, na quinta-feira (7).

image

De acordo com o jornal inglês “The Sun”, a aluna de 9 anos Beatriz Delap ganhou um carinho especial do astro. Após uma recente visita ao set de filmagem, ela escreveu para a estrela e fez uma brincandeira pedindo ajuda para fazer uma “rebelião” contra os professores, como piratas fazem.

Interessado, Johnny quis saber de quem era o texto durante a visita. Entrando na brincadeira de Beatriz, ele deu uma dica para a garota e aconselhou-a a ser uma boa aluna. "Os piratas têm que ser mais espertos que todos os outros", explicou ele que, em seguida, a abraçou.

image

Beatriz se mostrou criativa na carta. “Capitão Jack Sparrow, na Meridian Escola Primária somos um bando de jovens piratas em crescimento e estamos tendo um pouco de dificuldade para fazer um motim contra os professores e nós adoraríamos se você pudesse vir e ajudar”, disse a aluna, de imaginação fértil e candidata a aspirante a pirata.

Deixe um comentário »

Novo trailer de A Viagem do Peregrino da Alvorada

Fonte: http://www.mundonarnia.com/portal/veja-agora-o-novo-trailer.html

Deixe um comentário »

Novo pôster de A Viagem do Peregrino da Alvorada

Deixe um comentário »

O diário de Eustáquio

Falar pelos cotovelos é algo comum de quem ainda não aprendeu com a vida a importância de se pensar antes de falar. Quem ainda não cresceu, confunde liberdade com libertinagem. Faz e fala o que lhe dá na telha e só depois descobre que ao seu redor acabam sobrando apenas cacos.

Eustáquio estava muito incomodado em estar preso a uma aventura que não havia se oferecido para estar. Odiava todo aquele papo de Nárnia e foi justamente acabar lá, com os “chatos” dos primos e um monte de gente estranha. Ele então encontrou na escrita de um diário um estopim para dizer tudo o que pensava, detestava e o quanto se sentia superior àquelas pessoas. Era uma forma de liberar todas as tensões e frustrações.

C. S. Lewis ocupou quase todo o quinto capítulo do livro A Viagem do Peregrino da Alvorada para nos deixar enraivecidos com esse personagem e preparados para compreender melhor a lição que viria no próximo capítulo.

No tempo de Eustáquio era comum se escrever um diário e era algo extremamente íntimo, ninguém teria acesso a informações tão particulares. Lewis optou por quebrar a privacidade de Eustáquio para nos mostrar o que acontecia em seu interior: o quanto ele estava amargurado pelo ódio e egoísmo.

É muito comum pessoas com esse perfil, QUE ODEIAM MUITO, encontrar algo em que descarregar o seu ódio. Um diário, sem a eficácia que teria um terapeuta, acaba se tornando uma maneira da pessoa afirmar para si mesma que ela está certa. Se fosse um diálogo com outra pessoa, essa poderia em algum momento interferir apontando coisas que a outra não vê.

E antes fosse se os diários permanecessem ocultos e voltados apenas para o “auto-engano” de seus autores, como no tempo de Eustáquio…

Eustáquio estava escrevendo bastante e não tinha a noção de que logo logo teria a sua lição. Espero que a lição desses diários abertos não seja dolorosa ou que parem antes de provocar mais dores em pessoas inocentes. Sei que o mínimo em lição que essa pessoa poderá ter é um dia se lembrar das besteiras que escreveu e se arrepender de ter sido tão infantil e egoísta.

Sérgio Fernandes
Publicitário, criador do fã-clube Mundo Nárnia e escritor do livro Manual da Viagem do Peregrino da Alvorada. E-mail: falecom@sergiofernandes.com.br

Visite MundoNarnia.com em: http://meu.mundonarnia.com/?xg_source=msg_mes_network

Deixe um comentário »

C:\WINDOWS\system32\sshnas21.dll

Categoria: Trojan Downloader
Descrição: Este programa exibe mensagens de produtos enganosos.
Recomendação: Remover este software imediatamente.
O Security Essentials detectou programas que podem comprometer a sua privacidade ou danificar o computador. Você ainda terá acesso aos arquivos que esses programas utilizam sem removê-los (não recomendado). Para acessar esses arquivos, selecione a ação “Permitir” e clique em “Aplicar ações”. Se essa opção não estiver disponível, faça logon como administrador ou solicite ajuda do administrador local.
Itens:
file:C:\Users\JOTAPA~1\AppData\Local\Temp\sshnas21.dll

sshnas.dll ou sshnas21.dll é um componente do FakeAlert trojan. O trojan vêm de sites maliciosos que pergunta aos usuários sobre o download de uma atualização do Adobe Flash Player ou outros necessários para ver um filme online. O nome do arquivo do trojan é flash-HQ-plugin. Uma vez iniciado, o trojan irá baixar e instalar componentes essenciais: c.exe, msa.exe e sshnas.dll sshnas21.dll (). Quando baixado, ele será configurado para iniciar automaticamente quando o Windows é iniciado. Trojan FakeAlert pode exibir pop-ups e muitos alertas falsificados da segurança, seqüestrar o Internet Explorer, desativar o Windows Task Manager and Registry editor.Isso é geralmente instalado em conjunto com programas desonestos de antispyware.

Sintomas em um log de HijackThis
O4 – HKLM \ .. \ Run: [Videohost] C: \ DOCUME ~ 1 \ ADMINI ~ 1 \ LOCALS ~ 1 \ Temp \ c.exe
O4 – HKLM \ .. \ Run: [SSHNAS] rundll32.exe C: \ Windows \ system32 \ sshnas.dll, DllWork
O4 – HKLM \ .. \ Run: [LosAlamos] rundll32.exe C: \ Windows \ system32 \ sshnas.dll, AddConsoleAliasAW
O4 – HKLM \ .. \ Run: [LosAlamos] rundll32.exe C: \ Windows \ system32 \ sshnas21.dll, AllocConsoleA

Remover todos.

Fonte: http://sporemodding.forumn.net/computadores-f15/o-arquivo-cwindowssystem32sshnas21dll-e-do-sistema-operacional-t338.htm

Deixe um comentário »

%d blogueiros gostam disto: